Flu já está pronto para estrear nova casa. E terá festa contra o Cruzeiro

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Divulgação/Fluminense

Em uma temporada atípica, quando não pôde contar com o Maracanã, o Fluminense tentou levar seus jogos ao redor do Brasil para lucrar com o problema. A tática não deu muito certa e o técnico Levir Culpi foi um dos maiores críticos. A situação, agora, está no passado. O Tricolor fez uma parceria com o América, realizou uma reforma no estádio Giulite Coutinho e terá sua casa nesse Campeonato Brasileiro.

O Fluminense receberá o Cruzeiro na estreia do estádio e prepara uma bela festa nas arquibancadas. Os torcedores compraram cerca de 50 quilos de pó de arroz, tradicional no clube, e farão uma confraternização bonita na entrada do time em campo.

O estádio terá capacidade para 13.544 lugares – 1.300 serão destinados a torcedores do Cruzeiro. Assim, o Tricolor terá direito a pouco menos de 12 mil ingressos. A expectativa é de casa cheia para ajudar o Fluminense a sair desse momento conturbado na temporada.

"É uma expectativa boa, o gramado estará num nível bom. Vamos ter um bom evento, a torcida parece animada nas redes sociais. Estamos montando uma estrutura para receber bem o torcedor. Vai ser bom e é nossa casa agora. Não sei se em outubro poderemos contar com o Maracanã ou não, o ideal seria contar", disse o presidente Peter Siemsen à Rádio Globo.

A festa, porém, por pouco não ocorreu. Isso porque o Fluminense definiu ingressos entre R$ 20 e R$ 80. O mais caro era para apenas um pequeno setor do estádio, mas foi o necessário para começarem as reclamações nas redes sociais. E elas surtiram efeitos, já que a entrada passou de R$ 80 para R$ 60.  

Pacotão de reforços

Outro ponto que já anima clube e torcida é o pacotão de reforços que chegaram nesta semana. As novidades são os meias Marquinhos, heroi da fuga do rebaixamento em 2009, e Danilinho, ex-Atlético-MG; o atacante Wellington Silva, ex-Arsenal (ING) e que foi revelado nas divisões de base tricolor, e a revelação paraguaia Alexis Rojas, de 19 anos. Eles precisam estar com toda a documentação pronta até o dia 19, quando se encerra a janela de transferências.

FLUMINENSE X CRUZEIRO
Local:
Edson Passos, Mesquita (RJ)
Hora: 16h
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Auxiliares: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Bruno Boschillia (PR)

FLUMINENSE
Diego Cavalieri; Jonathan, Gum, Henrique e William Matheus; Douglas, Cícero, Marcos Junior e Maranhão; Samuel e Richarlison
Técnico: Levir Culpi

CRUZEIRO
Fábio; Lucas, Bruno Rodrigo, Bruno Viana e Edimar; Henrique, Ariel Cabral e Bruno Ramires (Rafinha); Rafael Sóbis, Willian e Ábila.
Técnico: Paulo Bento

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos