Grêmio domina SP na Arena, vence com gol de Douglas e cola nos líderes

Do UOL, em São Paulo

O Grêmio teve um fim de semana praticamente perfeito no Campeonato Brasileiro. Depois de ver Corinthians e Palmeiras tropeçarem, o time comandado por Roger foi a campo sabendo que podia terminar esta 16ª rodada da Série A colado nos líderes em caso de vitória. E conseguiu. Dominou o São Paulo na Arena Grêmio e, com mais um gol de rebote do meia Douglas, venceu o duelo por 1 a 0.

Com o resultado, o Grêmio chega a 30 pontos e fica a apenas dois do líder Palmeiras, que na manhã deste domingo tropeçou no Allianz Parque e foi derrotado pelo Atlético-MG. Já a diferença para o Corinthians está apenas no saldo de gols (14 contra 7) – o time de Cristóvão Borges soma os mesmos 30 pontos e tem o mesmo número de vitórias (9).

O São Paulo, por sua vez, segue sem vencer após a eliminação na Libertadores. O time, que já havia empatado o clássico contra o Corinthians na semana passada, continua com os mesmos 22 pontos, na nona colocação, e vê o G-4 ficar cada vez mais distante – já a diferença para a zona de descenso é bem menor (apenas cinco pontos).

Tanto Grêmio quanto São Paulo voltam a campo apenas no próximo domingo. Enquanto time paulista recebe a Chapecoense no estádio do Morumbi, às 11h, a equipe gaúcha vai ao estádio Independência encarar o lanterna América-MG, às 18h30.

Quem foi bem: Bolaños participa de gol e inferniza defesa do SP

Lucas Uebel/Grêmio

Substituto de Luan, que está com a seleção olímpica, Bolaños foi o principal jogador do Grêmio do meio para frente. Esteve envolvido em quase todos os ataques do time gaúcho, especialmente os mais perigosos. E foi quem deu início à jogada do gol de Douglas.

Quem foi mal: Mena deixa o São Paulo na mão

O São Paulo mais uma vez precisou jogar alguns minutos de uma partida com um jogador a menos. Mena, que vinha sendo presa fácil para o ataque gremista, levou dois cartões amarelos em dois minutos e foi expulso aos 33min da segunda etapa. O time, que já não vinha atacando, praticamente só se defendeu após a saída do lateral.

Negueba dá conta do recado em estreia como titular

 

Escolhido pelo técnico Roger para ocupar a vaga de Giuliano, que deixou o Grêmio para defender o Zenit, da Rússia, Negueba apareceu bem no ataque e participou de boas ações ofensivas do time gaúcho em sua estreia como titular. Foi também responsável por 'cavar' dois cartões amarelos do São Paulo - o primeiro de Thiago Mendes, que resultou até em uma confusão com o meio-campista tricolor, e o segundo de Mena, que acabou expulso de campo após uma falta em Negueba.

Douglas: camisa 10 ou 9?

Jeferson Guareze/AGIF

Responsável pela vitória gremista, o meia Douglas marcou seu quarto gol nesta Série A. E foi o quarto dele fazendo o papel de um atacante, aproveitando rebote dentro da área.

Grêmio martela e domina o improdutivo São Paulo

O Grêmio dominou o São Paulo durante todo jogo. Tanto na posse de bola como nas chances criadas (foram 15 finalizações só no primeiro tempo). Fez Dênis trabalhar ao menos três vezes na etapa inicial, enquanto Marcelo Grohe foi praticamente um mero espectador. Faltava apenas o gol, que veio na segunda etapa, depois de boa jogada de Bolaños, bom chute de Maicon e oportunismo de Douglas. O São Paulo, por sua vez, sofreu para sair jogando, abusou dos 'bicões' e foi presa fácil para a defesa gremista.

Mais um desfalque para o Grêmio...

Não bastassem as diversas ausências para o jogo deste domingo, como Marcelo Oliveira e Ramiro, suspensos, e Luan e Walace, com a seleção olímpica, o Grêmio ainda perdeu Everton, machucado, no fim do primeiro tempo. O atacante sentiu dores na coxa direita e pode virar preocupação para a sequência do campeonato.

Fim de tabu na Arena

O Grêmio finalmente conseguiu vencer o São Paulo dentro da Arena, no quarto jogo entre as equipes no estádio. Antes do jogo deste domingo, o time paulista somava duas vitórias e um empate jogando contra os gaúchos em sua 'nova casa'.

GRÊMIO 1 X 0 SÃO PAULO

Local: Arena Grêmio, Porto Alegre (RS) 
Data: 24/07/2016 (domingo)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC) 
Auxiliares: Nadine Schramm Camara (SC) e Helton Nunes (SC) 
Público/renda: 37.069 pagantes/R$ 1.459.680,00 
Cartões amarelos: Lugano, Thiago Mendes e Mena (São Paulo) 
Cartão vermelho: Mena (São Paulo) 
Gol: Douglas, aos 7min do segundo tempo

GRÊMIO
Marcelo Grohe; Edílson, Pedro Geromel, Wallace Reis e Iago; Jaílson, Maicon e Douglas (Henrique Almeida); Negueba (Kaio), Everton (Pedro Rocha) e Miller Bolaños
Técnico: Roger Machado

SÃO PAULO
Denis; Bruno, Lugano, Maicon e Mena; Thiago Mendes, Wesley, Cueva e Michel Bastos; Centurión (Pedro) e Gilberto (Kelvin)
Técnico: Edgardo Bauza

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos