Irritado, presidente do Fla levará DVD com erros de arbitragem à CBF

Do UOL, no Rio de Janeiro

Sempre contido, o presidente do Flamengo se mostrou muito irritado após o empate em 0 a 0 contra o Santos nesta quarta-feira em Cuiabá. Eduardo Bandeira de Mello acredita que o Rubro-Negro foi prejudicado pelo fato do árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva não ter assinalado um possível pênalti aos 47 minutos do segundo tempo quando Fernandinho cabeceou e a bola bateu na mão esquerda de Caju.

O dirigente informou ainda que levará um DVD à CBF com os erros de arbitragem, embora esteja desacreditado de que isso surtirá efeito.

"Foi um pênalti claro, todo mundo confirmou isso. Ainda teve um outro pênalti no Guerrero. Agora é sempre essa mesma coisa. A gente já seria líder, se não fossem os constantes erros de arbitragem, sempre contra nós. Se fosse erro, errariam contra todo mundo. Por que é sempre contra nós? Vamos fazer um DVD, vamos levar na CBF. Mas não vai adiantar nada. Em 17 rodadas, não adiantou. Por que vai adiantar agora?", indagou ao Sportv.

Esta não é a primeira vez que a diretoria do Flamengo reclama da arbitragem no Campeonato Brasileiro. Atualmente, o clube da Gávea está com 31 pontos na competição.

Nesta temporada, Eduardo Bandeira de Mello teve uma reaproximação com a CBF ao aceitar o convite para ser chefe da delegação da seleção brasileira na Copa América. O momento instável que o Rubro-Negro vivia, porém, inviabilizou a permanência do dirigente por todo o torneio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos