Palmeiras joga em palco hostil para tentar encerrar 'nuvenzinha preta'

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo

  • Cesar Greco / Fotoarena

    Cuca quer afastar a semana ruim que assombrou o Palmeiras nos últimos dias

    Cuca quer afastar a semana ruim que assombrou o Palmeiras nos últimos dias

Duas derrotas consecutivas, e o clima no Palmeiras mudou. A liderança escapou e a preocupação se instaurou. Até Cuca mostrou-se abatido. O período de abatimento, no entanto, tem data e hora para acabar: a partir das 21h30 (de Brasília), a equipe de Palestra Itália encara a Chapecoense, na Arena Condá, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O treinador palmeirense não escondeu a tristeza com os dias difíceis vividos pelo elenco nesta semana. Além da derrota para o Botafogo no último domingo, que custou a ponta da competição, outros dois acontecimentos transformaram o ambiente.

Fernando Prass fraturou o cotovelo com a seleção brasileira, enquanto um carro com membros da delegação do clube sofreu um acidente no Rio de Janeiro.

"Na derrota você aprende muitas coisas de ordem interna, de amadurecimento profissional, de que pode fazer coisas diferentes em um futuro muito próximo. Na metade de campeonato, em que o momento nosso não é o ideal, uma nuvenzinha preta parou aqui, mas já, já vai para outros lados", confia o treinador.

De volta ao banco de reservas após cumprir suspensão diante do Botafogo, Cuca enfrentará uma missão difícil nesta quinta-feira. A Chapecoense, nos últimos anos, tornou-se um algoz palmeirense, especialmente quando atua ao lado do torcedor na Arena Condá.

Em Campeonatos Brasileiros, o Palmeiras pisou três vezes no estádio em Chapecó: saiu derrotado em todas as ocasiões. A primeira vez ocorreu em 2013, pela Série B, ano no qual o clube catarinense venceu por 1 a 0.

Já em 2014, triunfo ainda mais convincente: 2 a 0. No ano passado, as más lembranças se tornaram ainda maiores – a Chapecoense simplesmente aplicou 5 a 1 sobre a equipe de Palestra Itália.

As derrotas – especialmente a última – valorizariam um bom resultado do Palmeiras nesta quarta. Para afastar a tal 'nuvem negra' ressaltada por Cuca, nada melhor do que um triunfo para promover a reação no Campeonato Brasileiro do antigo líder.

FICHA TÉCNICA
CHAPECOENSE x PALMEIRAS

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Data: 04 de agosto de 2016 (quinta-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Assistentes: Bruno Raphael Pires (Fifa-GO) e Fabiano da Silva Ramires (ES)

CHAPECOENSE: Danilo; Gimenez, Thiego, Filipe Machado e Dener; Gil, Josimar, Cleber Santana e Hyoran; Tiaguinho (Biteco) e Kempes. 
Técnico: Caio Júnior.

PALMEIRAS: Vagner; Jean, Thiago Martins, Vitor Hugo e Zé Roberto; Thiago Santos e Tchê Tchê; Róger Guedes, Moisés e Dudu; Erik.
Técnico: Cuca. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos