Atlético-MG depende da ajuda dos rivais para ser campeão do primeiro turno

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Atlético-MG, do atacante Fred, precisa do Cruzeiro, do goleiro Fábio, para ser campeão do turno

    Atlético-MG, do atacante Fred, precisa do Cruzeiro, do goleiro Fábio, para ser campeão do turno

Entre os seis primeiros colocados no começo da 18ª rodada, o Atlético-MG foi o único que conseguiu vencer. Resultados que deixam o time mineiro com chances reais de terminar o primeiro turno como a melhor equipe da competição. No entanto, além de vencer a Chapecoense, nesta segunda-feira, a equipe alvinegra precisa receber uma ajuda especial. Para que o Atlético seja o campeão do primeiro turno, Cruzeiro e América-MG não podem perder na 19ª rodada.

Os rivais locais do Atlético enfrentam duas das outras sete equipes que podem ficar com o simbólico título do turno. Já neste domingo, certamente os atleticanos vão torcer pelo América, que recebe o Santos, às 11h, no Estádio Independência. Já na segunda-feira, é vez de Corinthians x Cruzeiro. Secar o rival que luta contra o rebaixamento ou torcer contra um adversário pela liderança do Brasileirão? A resposta é simples: qualquer resultado não vai ser ruim para o Atlético.

Mas além das ajudas de América e Cruzeiro, o Atlético também torce pelo Vitória, contra o Palmeiras. A partida está marcada para o domingo, às 16h, no Allianz Parque. No entanto, mesmo que os três resultados que o Atlético precisa aconteçam, somente no dia 4 de setembro que a equipe comandada por Marcelo Oliveira vai saber se ficou ou não com o título do primeiro turno.

Por causa da Olimpíada, as partidas de futebol no Rio de Janeiro foram adiadas ou transferidas. Assim, Botafogo x Grêmio, outra partida que interessa ao Atlético, vai acontecer somente no começo de setembro. Mais do que ser campeão do primeiro turno, o técnico Marcelo Oliveira valoriza o fato de o Atlético estar no bolo dos primeiros colocados.

A distância para o líder do Brasileirão já chegou a ser de 12 pontos, na oitava rodada, quando o Internacional estava na ponta. A distância para o Santos é de apenas um ponto, graças ao aproveitamento de 83% nas últimas dez rodadas. O Atlético conquistou 25 dos 30 pontos disputados.

"O Atlético é um candidato natural ao título. Esse ano vai ser apertado, várias equipes estarão brigando, diferentemente de anos anteriores. Estamos no bolo, precisamos manter esse nível e até melhorar a situação. Ajustes sempre precisam ser feitos", analisou Marcelo Oliveira.

Ser campeão do primeiro turno do Brasileirão não vale nada além do que o prestígio. De interessante, fica a estatística sobre o resultado final da equipe campeã do turno. Nas 13 edições da competição com pontos corridos, somente em três oportunidades o melhor time da primeira parte que não foi o campeão nacional. Grêmio (2008), Internacional (2009) e o próprio Atlético (2012) foram os clubes que venceram o primeiro turno e não levaram o título brasileiro. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos