Marcelo comemora meta alcançada, mas ainda vê time carente de ajustes

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Treinador aprovou nova vitória atleticana, mas ainda quer deixar o time mais encaixado

    Treinador aprovou nova vitória atleticana, mas ainda quer deixar o time mais encaixado

Depois de tantas dificuldades envolvendo lesões de atletas e um início de ano pra lá de irregular, o Atlético-MG conseguiu fechar o turno no G-4 do Brasileirão. Depois da vitória por 3 a 1 diante da Chapecoense, o técnico Marcelo Oliveira avaliou a primeira metade do torneio, elogiou a reação e os cinco triunfos seguidos, mas mostrou cautela para conter a empolgação e alertou para os ajustes que ainda são necessários.

"Estabelecer cinco vitórias consecutivas é muito importante, fortalece muito o time. Temos só que saber que ainda precisamos ajustar algumas coisas. Por mais que a Chapecoense seja muito bem armada, que defende muito bem, ela chegou com mais frequência do que poderia. Fizemos um jogo consistente, com gols bem trabalhados. Vamos comemorar hoje e depois preparar bem para pegar o Santos, que é um concorrente direto na parte de cima da tabela", comentou o treinador.

Com Marcelo Oliveira, o Atlético-MG frequentou todas as partes da tabela. Até a oitava rodada, a equipe não conseguiu se encontrar, sofreu com os desfalques e chegou a ocupar a 18ª colocação. A primeira parte da arrancada atleticana começou com quatro vitórias seguidas. Mais recentemente, a equipe alcançou outra sequência avassaladora, com cinco vitórias seguidas e se consolidando de vez entre os líderes.

"Tivemos dificuldades no início, quando chegamos tínhamos onze jogadores machucados, fizemos 15 jogos em menos de dois meses, isso significa três dias para cada jogo. Mas quando tivemos um tempo maior para treinar, firmamos uma base boa e crescemos. Tudo tem conspirado a favor, não tivemos maiores problemas. Criamos as opções para utilizar em um campeonato como esse, no sentido de defender ou atacar mais. Essas situações vão acontecendo naturalmente, o importante é que os jogadores estão muito unidos, comprometidos e jogando com alegria, que é o mais importante", completou, Marcelo.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos