M.Oliveira espera fim da oscilação para Atlético-MG buscar o título

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Atlético-MG/Divulgação

    Atlético-MG aposta na força do elenco para superar concorrentes na disputa pelo título

    Atlético-MG aposta na força do elenco para superar concorrentes na disputa pelo título

Um ponto separa o Atlético-MG do Palmeiras. Com quase 85% de aproveitamento nas últimas 11 rodadas, a equipe mineira terminou o primeiro turno com a segunda melhor campanha, que pode ser igualdada pelo Grêmio em número de pontos e superada nos critérios de desempate. No entanto, o bom desempenho na primeira metade do Campeonato Brasileiro precisa ser superado no segundo turno para que o Atlético conquiste o título.

Desde o Brasileirão passou a ser disputado por pontos corridos e com 20 clubes, o único campeão abaixo de 70 pontos foi o Flamengo, que somou 69, em 2009. Já os vice-campeões com melhores campanhas foram o Grêmio, de 2008, e o próprio Atlético, de 2012. Ambos terminaram com 72 pontos. Por isso, caso algum clube atinja 74 pontos, a chance de conquista passa de 99%.

Para chegar aos 74 pontos e voltar a conquistar o Campeonato Brasileiro, o Atlético tem de somar mais 39 pontos no segundo turno. Com uma sequência de nove vitórias em 11 partidas, o torcedor alvinegro pode sonhar. E o técnico Marcelo Oliveira espera que a oscilação no segundo turno seja menor. Na primeira metade do campeonato, por exemplo, o Atlético chegou a entrar na zona do rebaixamento, após ficar sete partidas sem vencer.

"A pontuação que viramos o primeiro turno é muito boa, é uma pontuação forte. Esse campeonato vai ser mais concorrido, basta ver que os primeiros colocados estão separados por um ponto, dois pontos. A gente espera não ter oscilação, mas em um outro momento você pode ter dificuldades e perder um jogo. Esperamos que o saldo seja positivo, pois realmente a equipe está numa crescente, está fortalecendo".

Superar o desempenho do primeiro turno é também fazer a melhor campanha do Atlético num segundo turno do Brasileirão de pontos corridos. Desde 2007, o melhor desempenho alvinegro foi justamente na temporada passada, quando disputou o título com o Corinthians e foi vice-campeão nacional. A equipe comanda por Levir Culpi somou 33 pontos na parte final da competição, um a mais do que 2014 e 2013, quando conquistou 32 pontos.

Para conquistar o título brasileiro, o meia Maicosuel revela que os jogadores sabem que vai ser preciso fazer ainda mais do que já fizeram nas primeiras 19 rodadas. E o primeiro desafio é contra o Santos, um confronto direto, na casa do adversário. As equipes estão separadas por dois pontos. Por isso, até mesmo um empate não seria um resultado ruim.

"É o nosso objetivo, é o que queremos fazer. Não pode oscilar, o Campeonato Brasileiro é muito difícil. Temos que nos manter lá em cima. Não podemos deixar pontos, quando não ganhar, tem que empatar. Essa virada de turno foi importante, mas não vai valer nada se chegar no final e não conquistarmos o título".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos