Flu encara Santa Cruz para quebrar marca e defender tabu de 38 anos

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC

O Fluminense está exatamente no meio da tabela do Campeonato Brasileiro, na 10ª colocação. Os mesmos sete pontos que o separam do G4, o atormentam para a zona de rebaixamento. Mais que nunca, a partida contra o Santa Cruz, neste domingo, às 16h, no Arruda, ganhou contornos decisivos para o tricolor na competição.

A partida traz dois desafios para o Fluminense. O primeiro representa mais uma tentativa da equipe emplacar dois resultados positivos em sequência. Com sete vitórias na competição, o Tricolor jamais conseguiu tal feito. E isso tem incomodado bastante jogadores, comissão técnica e, claro, a torcida.

O segundo desafio é a manutenção de um tabu. O Fluminense não perde para o Santa Cruz desde 1978, quando perdeu por 1 a 0, no Arruda. De lá para cá, foram dez confrontos, com cinco empates e cinco triunfos. Nada que impressione o técnico Levir Culpi.

"Para mim isso não tem nada a ver, tanto é que estou sabendo desses números agora. Estou falando sério, não sabia disso. Isso para mim não é importante. Acho que os times estão muito parecidos, qualquer resultado que aconteça no Brasileiro não é surpresa. Igual o Inter, que não estava ganhando há muito tempo. Procuro não olhar muito esses números. Penso mais na regularidade dos times, os que estão com coisas boas, aí você vai e estuda para aplicar durante o jogo", disse o treinador do Fluminense.

Para a partida, o Fluminense não poderá contar com Cícero e Marcos Júnior, que receberam o terceiro cartão amarelo. Edson e Danilinho deverão ser os jogadores escolhidos, embora Levir prefira fazer mistério com o assunto. Já Henrique, que cumpriu suspensão automática diante do América-MG, está de volta ao time titular.

SANTA CRUZ X FLUMINENSE

Data e hora: 21/08/2016, às 16h (horário de Brasília)
Local: Estádio do Arruda, em Recife (PE)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)
Auxiliares: Tatiane Sacilotti dos Santos e Miguel Cataneo Ribeiro (SP)

Santa Cruz
Tiago Cardoso; Léo Moura, Luan Peres, Danny Morais e Tiago Costa; Derley, Uillian Correia e João Paulo; Pisano, Keno e Grafite. Técnico: Doriva

Fluminense
Diego Cavalieri; Wellington Silva, Henrique, Gum e Giovanni; Edson, Douglas, Gustavo Scarpa e Danilinho; Wellington e Henrique Dourado. Técnico: Levir Culpi

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos