Golaço "fake" de Damião, chapéu de Robinho e frangos marcam fim de semana

Do UOL, em São Paulo

A rodada do Brasileirão teve mais nove jogos e o líder é o mesmo: o Palmeiras. Dentro de campo, no entanto, teve de tudo. Aquele que seria forte candidato a golaço do fim de semana nem valeu. Era uma bicicleta de Leandro Damião, que acabou invalidado por causa de um pênalti de Geromel. O provável vencedor, então, deve ser Iago, do Coritiba. Ele acertou um chute de longe e definiu a vitória do seu time em cima do Santos. 

Se teve atacante fazendo bonito, teve também zagueiro virando goleiro e salvando gol em cima da linha. Teve zagueiro virando meio-campo e dando assistência para o rival... A rodada teve de tudo. Veja

Damião tentou duas vezes de bicicleta

Leandro Damião fez uma apresentação que animou os flamenguistas. Com lances espetaculares, o atacante tentou duas bicicletas e acertou na segunda. Mas o juiz não quis saber e deu o pênalti de Geromel. Damião, então, tratou de bater e deixar o seu sonhado gol. Diego também fez seu gol logo na estreia.

Robinho faz o gol da vitória e dá show

O atacante do Atlético-MG mostrou que ainda sabe fazer lances que tiram o torcedor da cadeira. Contra o Atlético-PR, aplicou belo chapéu no adversário. E não foi só. Ele também foi o responsável por converter o gol que fez os mineiros encostarem no Palmeiras na liderança.

Faltou calibrar o pé

Perto do apito final do juiz, Valdivia conseguiu perder um pênalti e fez o Internacional desperdiçar a chance de vencer o São Paulo e sair do incômodo jejum de vitórias. No Fluminense, Gerson Scarpa teve uma boa ideia para fazer uma pintura, mas errou feio na hora de ganhar a nota 10.

Zagueiro virou goleiro e virou meio-campo

Ainda no jogo entre São Paulo e Internacional, o torcedor viu Lyanco ter dias de goleiro. Em cima da linha, se jogou no chute adversário e ajudou Denis a evitar um gol. O goleiro, aliás, teve uma boa participação no jogo. Já na partida entre Santos e Coritiba, o zagueirão da equipe paranaense errou feio ao "dar assistência" para Ricardo Oliveira abrir o placar. Sorte que o placar virou...

Segura aí, goleirão!

Aranha não estava exatamente confortável na hora de jogar contra o Palmeiras. Além de errar na saída de bola que acabou no gol alviverde, o goleiro da Ponte Preta quase entregou em outra saída de bola. Pior mesmo foi Magrão, que tomou um gol inexplicável de Sassá, do Botafogo, que mostrou que ainda está vivo no Brasileirão. 

Que golaço do sufocado Coritiba

Se Damião não pôde comemorar o rótulo de golaço da rodada, a chance de Iago ficar com esse prêmio simbólico é bem grande. De longe, o jogador do Coritiba acertou onde a coruja dorme e não deu chances para Vanderlei evitar a virada dos donos da casa.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos