Roth nega medo de queda e aposta no Inter: "Quem trabalha tem sorte"

Do UOL, em Porto Alegre

  • Jeremias Wernek/UOL

    Celso Roth acredita que o Internacional vai sair da situação complicada

    Celso Roth acredita que o Internacional vai sair da situação complicada

Com o mesmo número de pontos do primeiro time na zona de rebaixamento, o Internacional convive com a pressão. Há 13 jogos sem vencer, o medo da queda para Série B aumenta a cada rodada. Mas não na avaliação do técnico Celso Roth. Apostando em seu time, ele acredita que o trabalho fará a sorte mudar. 

"Não existe o medo, mas a preocupação do rendimento. De levarmos um gol, contra a Chapecoense, depois de uma partida disputadíssima, aos 45 do segundo tempo. Existe a preocupação de, depois disso, conseguirmos empatar com o São Paulo, ter a chance de ganhar o jogo, aos 90, e não conseguirmos. Isso sim existe. Há preocupação, medo não, de sairmos dessa situação. As coisas estão difíceis. Melhoramos a performance defensiva, temos que melhorar a ofensiva, que é outra parte, para não termos este tipo de situação", disse em entrevista coletiva. 
 
Contra o Sport, no próximo domingo, será o terceiro jogo de Roth no comando do time. Até agora, uma derrota e um empate. Ele é o terceiro treinador da equipe no Brasileirão. Argel começou no comando, Falcão esteve em cinco compromissos e, por não conquistar uma vitória sequer, acabou demitido. 
 
Com muito trabalho, Roth acredita que a sorte possa virar. Segundo ele, o peso por conta da situação se deve aos bons momentos recentes vividos pelo clube e que tudo poderá passar a medida que o primeiro resultado positivo aconteça. 
 
"O peso é do tamanho das conquistas do Inter. Nos últimos 15 anos o clube tem retornos fantásticos em conquistas. Agora, a cobrança é igual. Se exige sempre o mesmo nível. Futebol é assim. Os profissionais que estão aqui precisam saber disso. Tem que conviver e sair disso. É a velha máxima: quem trabalha tem sorte. Quem nos acompanha vê que estamos trabalhando, e muito. Conquistar o resultado é persistência, são provações que temos. Tomara, com todo respeito, que consigamos sair disso contra o Sport", completou. 
 
Inter e Sport jogam no domingo às 18h30 (horário de Brasília) em Pernambuco. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos