Cruzeiro, Botafogo, Inter ou SP? Blogueiros opinam quem pode ser rebaixado

Do UOL, em São Paulo

  • Ricardo Duarte/SC Internacional

    Internacional, de Celso Roth, não sabe o que é vencer há 14 jogos

    Internacional, de Celso Roth, não sabe o que é vencer há 14 jogos

Alguns dos times considerados grandes não fazem um bom Campeonato Brasileiro e já aparecem como possíveis candidatos ao rebaixamento. A situação do 17º colocado Internacional, que não vence há 14 jogos, é a que mais preocupa. Cruzeiro (14º), Botafogo (13º) e São Paulo (11º) são outros que também não podem ser descartados. Mas será que algum deles terá mesmo de encarar a Série B em 2017? Os blogueiros do UOL Esporte opinam. Veja:

André Rocha

Considerando como grandes os 11 times mais tradicionais envolvidos com a Série A, o mais ameaçado é o Internacional. A contratação de Celso Roth é um indício de que o clube está perdido. O Cruzeiro já dá sinais de recuperação com Mano Menezes e o Botafogo respondeu mais cedo, há chance até de terminar na primeira página da tabela.

Avallone

Minha bola de cristal, que muitas vezes falha, me avisa o seguinte: dois grandes clubes vão "penar", mas não cairão. Nem o Inter, com 14 jogos sem ganhar. O Cruzeiro já está se livrando e o São Paulo, que vive grande crise, escapará, mas suando. Acabarão - Inter e São Paulo - se safando.

Juca Kfouri

A tradição diz que sim. O Inter, por enquanto, é o principal candidato, mas o São Paulo parece também estar querendo.

Menon

É possível. Considero América-MG e Santa Cruz rebaixados. Botafogo, Cruzeiro, São Paulo e Inter podem passar momentos ruins.

PVC

Dos últimos quatro campeonatos, só uma vez não caiu um dos 12 grandes. Este ano não acho que cai.

Vitor Birner

São Paulo, Inter e Cruzeiro, os gigantes mencionados como os que podem ser rebaixados, têm elencos melhores que as posições que ocupam. Os mineiros, acho, engrenaram. Os do Rio Grande do Sul, apesar dos resultados ruins, foram mais competitivos após a chegada do Celso Roth. O São Paulo mandou nos jogos contra o Botafogo e o Coritiba, mas tropeçou. Se conseguisse finalizar com qualidade, ganharia. A tendência é o trio permanecer na elite do futebol.

Mas, por outro lado, é fundamental chegar nas últimas cinco rodadas (talvez uma ou duas antes) com pontuação que impeça entrar na zona do rebaixamento após o encerramento de cada jogo. São agremiações muito grandes, onde a simples proximidade da região dos que irão à Segundona gera emoções difíceis de serem administradas, e consequentemente o aumento de equívocos dentro dos gramados.

Prospectaram, antes do torneio, que fariam campanhas para ficarem na parte de cima da classificação. Os jogadores, cartolas, roupeiros, treinador e todos mais nesses clubes imaginaram conquistas. Nunca o rebaixamento. Nenhuma preparação específica para o atual momento foi feita.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos