Após cobrança, Grêmio adota discurso de união por fim de fase ruim

Do UOL, em Porto Alegre

  • Rodrigo Rodrigues/Grêmio FBPA

    Grêmio prega união para acabar com fase ruim no Campeonato Brasileiro

    Grêmio prega união para acabar com fase ruim no Campeonato Brasileiro

A goleada sofrida contra o Coritiba ligou o alerta na direção do Grêmio. A fase ruim no Brasileiro precisa acabar o quanto antes para que o objetivo de disputar o título até as últimas rodadas não tenha fim prematuramente. E a cobrança que pautou o discurso depois da derrota para o Botafogo no final de semana deu lugar a união por algo melhor.

TABELINHA: SERIA UM ABSURDO DEMITIR O ROGER AGORA, DIZ JULIO GOMES; OUÇA

"Estamos todos unidos com a comissão técnica, no mesmo barco. Vamos conseguir a recuperação exatamente desta forma", disse o vice de futebol Alberto Guerra. "O futebol é curioso. Desta vez não faltou competitividade da nossa equipe, ao contrário do que houve no Rio de Janeiro", completou lembrando sua cobrança ao elenco feita dias atrás. 
 
Guerra falou forte depois do duelo com o alvinegro carioca. Disse que o Grêmio não havia entrado para competir com o rival. Durante a semana, conversou com os jogadores sobre isso e surtiu efeito, na avaliação dele. 
 
Agora o momento é de união. Tanto entre os atletas quanto de comissão técnica e diretoria. Sob a ótica gremista, esta é a maneira de recuperar o caminho das vitórias. 
 
"Estamos envergonhados, chateados e tristes. Inconformados com o resultado. Mas daremos a volta por cima. Estamos todos no mesmo barco, quando ganha ou quando perde. Não é o momento de achar culpados", declarou o goleiro Marcelo Grohe. "Temos que estar todos juntos. Não pode cada um dizer uma coisa. A culpa não é do treinador, mas de todos", completou o lateral direito Edílson.
 
Enquanto isso a torcida se mostra descontente com o rendimento recente da equipe. Nos últimos sete jogos, apenas uma vitória. E a queda se reflete na classificação. Dez pontos atrás do líder Palmeiras, o Tricolor pode acabar a rodada quatro distante da zona de classificação para a próxima Libertadores. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos