Santista chama juiz de mentiroso após derrota para o Inter: "Foi ridículo"

Do UOL, em Santos (SP)

Os atletas do Santos deixaram o campo revoltados após a derrota para o Internacional por 2 a 1, nesta quinta-feira, no estádio Beira Rio, em Porto Alegre, em jogo válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os santistas ficaram inconformados, principalmente, com a expulsão do meia Lucas Lima por retardar o jogo.

O lateral direito Victor Ferraz, que recebeu o terceiro cartão amarelo e não enfrenta o Corinthians no próximo domingo, na Vila Belmiro, chamou o árbitro Rodrigo Batista Raposo até de mentiroso em seu desabafo na saída de campo.

"Cara, não vou fugir da responsabilidade, claro que não estávamos fazendo partidas boas. Mas o jogo estava controlado, ele se atrapalhou inteiro. Posso pegar um gancho mas o que aconteceu aqui foi ridículo. O Inter é grande e poderia ganhar da gente sem isso. Isso não existe. Ele disse que fomos agressivos com nele, ele que foi agressivo coma gente. A forma como ele expulsou o Lucas Lima. Ele disse que xingamos ele. Eu não chamo um palavrão há vinte anos, tenho pessoas para testemunhar por mim. É mentiroso ainda por cima. Melhor parar de falar", afirmou Victor Ferraz ao Premiere.

Além de Lucas Lima e Victor Ferraz, o atacante Ricardo Oliveira também recebeu cartão amarelo na partida e não joga o clássico contra o Corinthians, já que o camisa 9 estava pendurado com dois cartões.

Lucas Lima foi expulso ainda no primeiro tempo ao receber o segundo cartão amarelo. E nenhum dos dois foi por conta de faltas cometidas. Ambos por retardar cobranças de bola parada. A primeira em uma falta, a segunda em um escanteio. Quando recebeu o vermelho viu o técnico Dorival Júnior e os reservas quase invadirem o gramado reclamando. No banco de reservas após o cartão vermelho, não conseguiu conter as lágrimas. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos