Schmidt admite preocupação com rebaixamento e diz que SP precisa evoluir

Luiza Oliveira

Do UOL, em São Paulo

  • PAULO WHITAKER/Reuters

A pressão está grande sobre o São Paulo, especialmente após a derrota no clássico contra o Palmeiras por 2 a 1, na última quarta-feira. O time agora está apenas a dois pontos da zona do rebaixamento. João Schmidt  não acredita que a situação é complicada como a de 2013, mas admite a preocupação com a zona de rebaixamento.

"São situações diferentes. Chegamos a entrar na zona em 2013. É complicado. Claro que tem de se preocupar, mas o pensamento é vencer o próximo jogo para sair dessa situação, para não passar mais rebaixamento pela cabeça".

O São Paulo agora ocupa a 13ª posição com 28 pontos, apenas dois a mais que o Vitória que é o primeiro da zona do rebaixamento. Mas pode ser ultrapassado pelo Sport e pelo Cruzeiro que ainda jogam nesta quinta-feira.

Para tentar sair dessa situação, o time sabe da importância de vencer o Figueirense no próximo domingo, no Morumbi. João admite que é preciso render mais e acredita que a vitória pode mudar a confiança do grupo.

"Claro que a confiança de quando você está em um bom ruim não é a mesma de um bom, mas é a vitória que dá confiança. Precisamos ganhar para voltar a ter confiança. Só que a gente, na verdade, a gente precisa render mais, todos os jogadores sabem disso, a gente sabe disso", disse o volante.

"O momento não é bom, temos que reconhecer momento não é bom, mas o que nos tira desse momento é a vitória", disse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos