Blogueiros opinam quem levará melhor nos vários clássicos da super-rodada

Do UOL, em São Paulo

  • Diego Padgurschi /Folhapress

    Santos receberá o Corinthians na Vila Belmiro em partida da 24ª rodada

    Santos receberá o Corinthians na Vila Belmiro em partida da 24ª rodada

A briga por posições na tabela do Brasileirão ganhará um importante capítulo a partir deste final de semana. A 24ª rodada do campeonato trará, além de dois clássicos estaduais, confrontos decisivos pelas primeiras posições e pela fuga da zona do rebaixamento.

São Paulo e Figueirense, por exemplo, farão um duelo direto no Morumbi. Com as mesmas ambições, Sport e Santa Cruz se enfrentam na Ilha do Retiro, enquanto Santos e Corinthians brigam pela última vaga do G-4. 

Na busca pela liderança estão Palmeiras, Flamengo e Atlético-MG. Palmeiras entra em campo contra o Grêmio, enquanto o Galo joga contra o Fluminense. O Flamengo venceu o Vitória neste sábado (10). 

Para comentar a super-rodada, o UOL Esporte ouviu os blogueiros Mauro Beting, Luis Augusto Simon, o Menon, Vitor Birner e Julio Gomes, que destacaram sobretudo a luta acirrada pela ponta e a batalha do São Paulo contra o descenso.

Mauro Beting

Espero grandes emoções. O bacana do campeonato é isso: é muito equilibrado, não há um favoritismo clássico. A única equipe que deixou de brigar por título é o Grêmio, pela derrota para o Coritiba e pela instabilidade. Para mim está todo mundo vivo ainda lá em cima. Não vejo também ninguém se afastando da zona de rebaixamento. Claro que, pelo que não tem feito e pelo mau momento, a situação do São Paulo é mais complicada.
 
Para o Santos vem, evidentemente, desfalcado, sem Lucas Lima, Ricardo Oliveira e Victor Ferraz. E pega o Corinthians animado pelo segundo tempo contra o Sport. na Vila Belmiro, é jogo para equilíbrio, jogo para empate.
 
Há uma semana, o jogo de Porto Alegre era mais para o Grêmio. Agora, por tudo que o time tricolor não fez em Curitiba e tudo aquilo que o Palmeiras fez contra o São Paulo, mantendo a ponta, dá para a equipe paulista volta do sul com uma vitória. No clássico pernambucano, Sport é melhor que o Santa Cruz no momento e ainda jogando em casa. Deve vencer.
 
Pela fase horrorosa do São Paulo e por uma ameaça de recuperação do Figueirense, é um jogo para empate. É um resultado que dá para dizer que é normal pelo momento do São Paulo, que acredito que vai crescer com a chegada do Marco Aurélio Cunha, que não é mágico, mas pode trazer coisas boas. 
 
Vejo o Atlético-MG com mais chances de vencer o Fluminense. Os cariocas alternam uma ou outra boa partida, com jogos ruins. Foi o que aconteceu no clássico com o Botafogo. Galo mesmo com tantos desfalques é favorito para vencer.


Menon

Pode ter algum time que vai mudar de patamar, mas de forma temporária, caso do São Paulo, por exemplo. O campeonato está enrolado.
 
No clássico paulista, o Santos seria favorito, mesmo sem Gabigol, mas sem Ricardo Oliveira e Lucas Lima fica difícil. Fica igual, principalmente se o Corinthians atuar como no segundo tempo contra o Sport. Sem Cristian, o time se fortalece.
 
O Grêmio caiu muito nas últimas rodadas. Quando precisava mostrar força para sonhar com o título, perdeu eficiência. E hora de reagir, mas o rival é o líder e não dá mostrar de queda. Tem elenco e, mesmo jogando mal, vence. Foi assim contra o São Paulo. Meu palpite é empate.
 
Sport e Santa Cruz será pura emoção. O Sport precisa cristalizar a arrancada dos últimos jogos. O Santa Cruz precisa iniciar arrancada semelhante. Na Sul-Americana o Santa eliminou o rival.
 
Será o primeiro jogo do São Paulo oficialmente como candidato a degola. Precisa vencer o embalado rival que venceu Santos e Furacão.   Acredito que vença. Se não, pode entrar na zona de rebaixamento. 
 
 

Julio Gomes

Santos x Corinthians e Grêmio x Palmeiras definirão se Santos ou Grêmio voltam para a briga pelo título ou se afastam até mesmo do G-4. São jogos que mudam um time de patamar. Estão contra a parede após os últimos tropeços e precisam vencer - Santos perdeu as últimas três, Grêmio não ganha há quatro. 
 
Para o Palmeiras, é a chance de dar um golpe de autoridade. Não vejo favoritos nos dois jogos, realmente qualquer coisa pode acontecer. O Corinthians se beneficia por Lucas Lima desfalcar o Santos após o vermelho no Beira-Rio.
 
Sport, apesar de ser um clássico, São Paulo, apesar da fase, e Flamengo, apesar de jogar fora de casa, são os favoritos nos seus confrontos.
 
O São Paulo está oficialmente na luta para não cair. Apenas um ponto acima do Z4, e o Figueirense é rival direto. Parece surreal, mas esta é a situação. Se não vencer, será catastrófico para o São Paulo. Figueirense pode se aproveitar disso, deste momento emocional fraco do adversário. Já beliscou empate em Itaquera e vitória na Vila Belmiro neste Brasileirão. Retrospecto: em 12 jogos na história no Morumbi, São Paulo venceu 11 e empatou um, nunca perdeu em casa do Figueirense. 
 
Jogo importante também para Fluminense e Atlético-MG. É outro jogo sem favorito. O Fluminense pode entrar de vez na briga pelo G-4 se ganhar um duelo deste tamanho. O Galo já saberá o que Palmeiras e Flamengo terão feito na rodada, pode estar pressionado para não descolar. Olho para o duelo de Fred contra o Flu. Será vaiado? Perseguido? 


Vitor Birner

Ninguém entrará ou sairá das regiões de rebaixados e classificados à Libertadores. O Santos talvez se aproxime do quarto colocado.
 
Haverá mais emoções que qualidade. Nenhum time joga futebol de alto nível. Como há disputas diretas por permanência na elite, vaga na Libertadores, clássicos, partidas dos três candidatos ao título contra agremiações que necessitam ganhar, todas devem mexer com alguns atletas e as torcidas. 
 
Santos na Vila Belmiro tem maior possibilidade que o Corinthians de ganhar. Sport e Atlético levam alguma vantagem contra o Santa Cruz e Fluminense, mas as diferenças são pequenas, clássicos tendem a diminuí-las , e os mineiros irão atuar no Rio de Janeiro.  
 
A fase e o elenco do Alviverde são melhores que os do Grêmio, Na Arena dos gaúchos o favoritismo evapora. Qualquer resultado será normal, inclusive goleadas, porque ambos os treinadores são ousados e gostam de futebol com intensidade. Para quem curte tática, recomendo.
 
O São Paulo atualmente é incapaz de merecer crédito e ser chamado de favorito. O elenco mais técnico que o do Figueirense entrará no Morumbi carregando carga emocional que 
ainda não consegue gerenciar. Desmoronou nos jogos anteriores após tomar gol. Mesmo assim, tem mais recursos para ganhar.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos