Chapecoense aproveita lesões e estanca reação do Coritiba no Brasileirão

Do UOL, em São Paulo

O Coritiba vinha embalado no Campeonato Brasileiro – três vitórias e dois empates em cinco rodadas, com direito a uma goleada por 4 a 0 sobre o Grêmio. Neste domingo (11), contudo, o bom momento não resistiu aos desfalques. Com dois jogadores lesionados nos primeiros 30 minutos e muito calor, o time paranaense perdeu por 1 a 0 para a Chapecoense em Chapecó.

O resultado levou a Chapecoense a 34 pontos e ao nono lugar na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. O Coritiba, em contrapartida, perde a chance de se afastar da zona de rebaixamento. Os paranaenses têm 29 pontos e estão a dois da zona da degola.

"Atrapalha bastante perder dois jogadores tão cedo. A gente acaba não conseguindo manter a proposta que havia estabelecido no início", lamentou o lateral esquerdo Juan, do Coritiba, em entrevista ao canal fechado "Premiere". "Tínhamos a velocidade do Berola pelo lado. Era um jogador importante para a gente", completou o atacante Leandro.

O melhor: Danilo. Kempes fez o gol e foi aplaudido pela torcida da Chapecoense ao sair de campo, mas o grande destaque da Chapecoense - e da partida - foi o goleiro Danilo. Seguro e eficiente, o jogador parou todas as investidas do Coritiba e apareceu muito no segundo tempo. "Foi importante para todo o time. Vínhamos de um resultado ruim fora de casa e precisávamos reagir", disse o camisa 1.

O pior: Iago. O ataque do Coritiba foi estéril em toda a partida, e muito disso tem a ver com o jogador do setor que menos participou das ações agudas. A melhor chance de Iago aconteceu aos 31min do segundo tempo, mas ele parou nas mãos de Danilo.

Coritiba começa melhor
A despeito de jogar fora de casa, o Coritiba mandou no início da partida deste domingo. Foram pelo menos três boas oportunidades dos paranaenses nos primeiros 15 minutos, com chutes de longe de João Paulo e Alan Santos e uma cabeçada de Wallisson Maia.

Lesões começam a atrapalhar
Quando controlava a partida, contudo, o Coritiba começou a sofrer com lesões. Wallisson Maia teve um problema muscular, e Neto Berola machucou o tornozelo em lance com Thiego. Ambos foram substituídos antes dos 30min da etapa inicial.

Chapecoense melhora e leva perigo
As duas alterações reduziram o volume de jogo do Coritiba e deram espaço para a Chapecoense, que cresceu. Aos poucos, o time catarinense encaixou a disposição tática com dois centroavantes (Kempes e Bruno Rangel) e conseguiu dominar a bola entre as linhas de marcação dos visitantes.

Foi assim que Kempes teve boa chance aos 33min do primeiro tempo, em jogada pela direita, e foi assim que os donos da casa criaram a melhor oportunidade da etapa inicial aos 39min. Arhur Maia acertou a trave em chute colocado, e a Chapecoense finalizou mais três vezes no rebote. Não teve sucesso em nenhuma delas.

Kempes exalta dedicação da Chapecoense
"Foram 45 minutos bons da equipe. Todo mundo precisa se doar um pouco mais porque ficamos com dois jogadores à frente da linha da bola. Então, a defesa precisa jogar um pouco mais alta. Todo mundo trabalhou bem", avaliou o camisa 33 no intervalo.

Caio Júnior muda a Chapecoense no intervalo
Mesmo com a evolução no trecho final do primeiro tempo, Caio Júnior decidiu mudar a Chapecoense no intervalo. O técnico trocou o volante Gil pelo meia-atacante Lucas Gomes, e com isso deu mais volume ao time da casa. A iniciativa manteve o domínio dos anfitriões nas ações e virou vantagem aos 25min, quando Arthur Maia cruzou da esquerda e Kempes completou de cabeça para as redes.

Agenda
O Coritiba voltará a campo na próxima quarta-feira (14), às 21h45, quando receberá o Corinthians no estádio Couto Pereira. No dia seguinte, às 19h30, a Chapecoense visitará o Fluminense.

FICHA TÉCNICA
CHAPECOENSE X CORITIBA


Data: 11/09/2016 (domingo)
Local: estádio Arena Condá, em Chapecó (SC)
Árbitro: Diego Almeida Real (RS)
Auxiliares: José Calza e Alexandre Kleiniche (ambos do RS)
Cartões amarelos: Thiego (Chapecoense), Gil (Chapecoense), Evandro (Coritiba), Juan (Coritiba), Alan Santos (Coritiba)
Gols: Kempes, aos 25min do segundo tempo

CHAPECOENSE
Danilo; Gimenez, Thiego, Filipe Machado e Dener Assunção; Matheus Biteco, Gil (Lucas Gomes), Cleber Santana e Arthur Maia (Sergio Manoel); Kempes (Rafael Bastos) e Bruno Rangel
Técnico: Caio Júnior

CORITIBA
Wilson; Wallisson Maia (César Benítez), Luccas Claro, Juninho e Juan (Yan); Alan Santos e João Paulo; Iago, Raphael Veiga e Neto Berola (Evandro); Leandro
Técnico: Paulo Cesar Carpegiani

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos