Jair elogia grupo do Botafogo após vitória: "Quem entra vem dando conta"

Do UOL, em São Paulo

As ausências de três jogadores importantes - Luis Ricardo, Airton e Rodrigo Lindoso -, o embalo do Cruzeiro no Campeonato Brasileiro e a pressão da torcida celeste não impediram o Botafogo de conquistar uma vitória por 2 a 0 sobre o time mineiro neste domingo. O terceiro triunfo consecutivo levou o Alvinegro à oitava colocação, com 30 pontos. 

Jair Ventura destacou a importância da vitória deste domingo na luta para se distanciar da zona do rebaixamento. Sem poder escalar o time com força total, ele aprovou o desempenho de sua equipe no Mineirão e citou um antigo jejum: o Botafogo não batia o Cruzeiro em Belo Horizonte desde novembro de 1997. Os alvinegros venceram o duelo de quase 19 anos atrás por 3 a 2, com gols de França, Marcelo Alves e Jefferson. 
 
"O Botafogo não ganhava há 19 anos aqui. É bom mostrar a força do grupo. O treinador sempre tenta ter o grupo mais homogêneo, mas é difícil. Quem entra vem dando conta. Os resultados estão aparecendo por isso. Tivemos desfalques novamente, contra o Cruzeiro completinho, Fluminense também... O sonho de todo treinador é repetir equipe, mas, quando não é possível, tem que ir se adequando. Cabe ao treinador achar a melhor maneira de jogar", disse.
 
Ele valorizou o empenho dos jogadores botafoguense na arrancada na competição. O "espírito competitivo" da equipe tem sido um dos segredos da ascensão alvinegra, de acordo com o treinador. 
 
"O espírito competitivo do Botafogo não pode faltar. Podemos não estar em um dia tão bom, mas temos que dar o melhor. Você não consegue dar o melhor se não tiver uma boa semana de trabalho", observou. 
 
Na quarta-feira, às 19h30, o Botafogo, em busca da quarta vitória seguida no Brasileiro, recebe o Santos em sua arena. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos