Após um mês fora, Erazo se coloca à disposição para defender o Atlético-MG

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Erazo pode voltar ao time do Atlético-MG contra o Sport

    Erazo pode voltar ao time do Atlético-MG contra o Sport

No dia 14 de agosto o Atlético-MG perdeu para o Santos por 3 a 0, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. Além de não somar os pontos contra um concorrente direto, a equipe mineira ainda perdeu o zagueiro Erazo, que teve entorse no joelho direito. Um mês depois, após desfalcar o Atlético por quatro rodadas e a seleção do Equador em dois jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo, o defensor garante estar pronto para voltar a jogar.

"A recuperação da minha lesão não foi fácil. O problema que tive no joelho não foi uma coisa simples. Mas já estou praticamente recuperado, até trabalhando com o grupo. Estou à disposição do treinador. Tomara que nesta reta final do campeonato eu possa jogar todos os jogos e brigar pelo título até o final. A ideia é essa", disse o camisa 4 do Atlético em entrevista à Rádio Inconfidência.

E realmente Erazo se dedicou bastante durante o período em que ficou em tratamento. Além de passar boa parte do dia na Cidade do Galo, trabalho com os profissionais do clube, o zagueiro seguia o tratamento em casa. Dedicação redobrada para voltar logo aos gramados, para poder ajudar o Atlético, que disputa o título nacional, e o Equador, que busca uma vaga na Copa do Mundo de 2018.

"Também pensando na minha seleção (Equador), eu quis me recuperar muito rápido. O trabalho feito pelos fisioterapeutas do clube foi bom demais. Trabalhei intensamente na academia, pensando nos jogos que temos pela frente com o Galo e as rodadas das Eliminatórias que tenho com a minha seleção. Tomara que tudo dê certo e eu possa retribuir todo o trabalho que vem sendo feito".

O possível retorno de Erazo diante do Sport é um alento ao técnico Marcelo Oliveira. Com o equatoriano em campo, a defesa do Atlético tem um desempenho muito melhor. Se no Brasileirão são 34 gols sofridos em 24 partidas, com Erazo escalado foram 13 gols sofridos em 12 partidas, sendo que dois desses gols sofridos aconteceram após o zagueiro ser substituído na partida contra o Botafogo.

Números animadores, principalmente pela sequência de jogos que o Atlético tem nos próximos dias. São quatro partidas nos próximos 11 dias, que vão definir o futuro do time no Brasileirão e também na Copa do Brasil. Erazo acredita que o Atlético tem elenco qualificado para brigar pelos dois títulos.

"Ainda temos 14 rodadas e, com certeza, se a gente fizer um trabalho feito, nós vamos brigar pelo título até o final. Ainda tem a Copa do Brasil, que é uma competição importantíssima para o Atlético. Temos um elenco forte, é verdade, mas temos que mostrar isso dentro de campo. Depende de cada um. Vamos jogo a jogo. Se a gente conscientizar do que trabalho que estamos fazendo e mostrar em campo o que somos, com certeza que vamos brigar pelas duas competições", completou o zagueiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos