Flu renasce com 'casa de aluguel' e revê a briga por vaga na Libertadores

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Mailson Santana / Site oficial do Fluminense

Com desempenho ruim em Volta Redonda, o Fluminense correu contra o tempo para conseguir mudar o rumo da prosa. Reformou o estádio do América e criou o seu próprio alçapão, em Mesquita, na Baixada. E ela não poderia ser melhor.

O Fluminense renasceu com a 'casa de aluguel' e passou a ser protagonista no Campeonato Brasileiro. A três pontos do Corinthians, último time do G4, o Tricolor está mais vivo que nunca na luta por uma das vagas na Libertadores de 2017. Nas Laranjeiras há uma unanimidade: nada disso seria possível se não fosse o alçapão tricolor.

"Agora encarar o Fluminense em casa não é para qualquer um. A torcida consegue criar um clima muito legal aqui [Edson Passos] e contagia os jogadores, que estamos fazendo a nossa parte. Estamos muito próximos do G4 e tem mais um jogo no nosso caldeirão na quinta", disse o atacante Magno Alves.

O jogo de quinta será contra a Chapecoense e marcará o fim de uma sequência de cinco jogos no Rio de Janeiro – um deles contra o Botafogo, na Ilha do Governador. Nos duelos em Edson Passos, o Fluminense teve um rendimento altíssimo. Foram duas vitórias pelo Brasileiro, além do empate na Copa do Brasil.

O Corinthians terá uma dura missão diante do Coritiba, na quarta-feira, no Couto Pereira. Em caso de tropeço, o Tricolor poderá ficar ainda mais colado dos paulistas, mas desde que consiga fazer o dever de casa, no dia seguinte, diante da Chapecoense.

"Realmente é uma surpresa, porque deu uma encaixada com o torcedor. O Fluminense costumava jogar no Maracanã com 50 mil pessoas, mas aqui sentimos calor da torcida. Aqui, apesar de não ser muita gente, os jogadores se sentem bem. Isso é positivo. Parabenizo o torcedor. Sabemos que não é fácil chegar aqui", completou Levir Culpi?

Com a vitória sobre o Atlético-MG, o Fluminense chegou aos 37 pontos e pulou para a 7ª colocação. Agora, a distância para o Corinthians, último time do G4 e com 40, é de apenas três pontos. O Tricolor volta a campo na quinta-feira, quando medirá forças com a Chapecoense, novamente em Edson Passos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos