Flamengo mais organizado, e Palmeiras de Jesus: o que os blogueiros falaram

Do UOL, em São Paulo

?

Final antecipada. Esta era a expectativa que cercava o jogo entre Palmeiras e Flamengo que terminou empatado na noite da última quarta-feira (14), no Allianz Parque, pela 25ª rodada do Brasileirão. No fim das contas, empate por 1 a 1 e manutenção de apenas um ponto entre o líder e o vice-líder do campeonato.

Após a partida, os blogueiros do UOL Esporte opinaram sobre o jogo. Em geral, eles viram um Flamengo mais organizado, mesmo quando teve um jogador a menos, mas enxergaram o talento de Gabriel Jesus como decisivo para o resultado final.

Juca: Palmeiras surpreendeu com Jesus; Flamengo foi audaz

Na opinião de Juca Kfouri, o Palmeiras fez do que pareceu um erro um grande acerto: ninguém esperava que Gabriel Jesus pudesse jogar. Mas ele não só jogou como evitou a derrota no Allianz Parque. Por sua vez, o Flamengo mostrou audácia ao pressionar o anfitrião nos cinco primeiros minutos e impôs respeito, mas foi prejudicado com a expulsão exigente de Márcio Araújo.

PVC: Decisão continua até o fim de semana

Para Paulo Vinícius Coelho, o empate entre Flamengo e Palmeiras transformou o Dérbi no fim de semana numa partida ainda mais decisiva. Se o Corinthians quer reencontrar o caminho da vitória, o Palmeiras precisa vencer para continuar na liderança do Brasileirão independentemente do resultado do Flamengo contra o Figueirense.

Mattos: Flamengo foi melhor, mas Palmeiras tem o craque

De acordo com Rodrigo Mattos, o Flamengo jogou melhor futebol e mostrou mais conjunto no Allianz Parque, mas o Palmeiras teve o jogador mais decisivo: Gabriel Jesus. Para ele, a atuação dos rubro-negros foi mais promissora que dos alviverdes quando se olha para as próximas 13 rodadas do Brasileirão.

Menon: Empate teve cheirinho de vitória para o Flamengo

Menon entrou na brincadeira e disse que o empate teve "cheirinho de vitória" para o Flamengo e "de pizza queimada" para o Palmeiras. Cada time ganhou um ponto, mas o rubro-negro teve um jogador a menos por 50 minutos e foi superior. Além disso, manteve-se em segundo lugar com um ponto a menos e tem pela frente o Figueirense, enquanto o Palmeiras, joga clássico contra o Corinthians fora de casa.

André Rocha: Empate do time contra o talento

Na opinião de André Rocha, o empate por 1 a 1 no Allianz Parque representou a igualdade de dois times muito bons. Só que o Flamengo teve mais conjunto, com equipe forte mesmo com um jogador a menos, enquanto o Palmeiras foi um time com poucas ideias, apressado demais, mas contou com o talento transbordante de Gabriel Jesus. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos