Empate não desanima técnico do Atlético-MG: "vai acontecer muita coisa"

Enrico Bruno, Thiago Fernandes e Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

Para não deixar que Palmeiras e Flamengo se distanciassem na luta pelo título do Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG precisava vencer o Cruzeiro. No fim, o empate em 1 a 1 no clássico foi ruim para a equipe alvinegra, que viu os concorrentes ficaram com quatro e cinco pontos a mais. Mas nada para deixa o técnico Marcelo Oliveira preocupado.

Treinador bicampeão nacional em 2013 e 2014, Marcelo ressalta que muita coisa ainda vai acontecer até o final da competição. O Atlético tem 46 pontos e vai disputar mais 36. Caso tenha um ótimo aproveitamento, assim como teve no turno, a equipe atleticana pode terminar o ano com o título nacional.

"Embora a gente possa lamentar de se distanciar um pouco do líder, mas vai acontecer muita coisa. Temos que concentrar energias para o jogo com o Internacional", disse Marcelo Oliveira, que sabe que vai ser muito difícil.

"A gente lamenta, como disse aqui, que esse existia sentimento de tristeza no vestiário, porque, na maior parte do jogo, tivemos chance, apesar que o Cruzeiro teve também. O Ábila apareceu sozinho em um lance. Mas tivemos uma chance com o Urso também. São 12 rodadas, 36 pontos, diferença de cinco pontos. Tudo é possível. Embora os outros times (Palmeiras e Flamengo) estejam sendo regulares e fazendo boas partidas".

Sobre a partida com o Cruzeiro, Marcelo Oliveira lamentou o fato de o Atlético não aproveitar os contra-ataques no momento em que já vencia o clássico por 1 a 0. Somente no segundo tempo foram pelo menos duas boas oportunidades para ampliar a vantagem, mas o time não conseguiu aproveitar.

"Não faltou vontade. O que faltou foi encaixar o contra-ataque, o Urso teve uma chance muito boa, por exemplo. O Cruzeiro saiu muito no segundo tempo, deu oportunidade para a gente matar o jogo. Erramos no último lance. Teve uma situação do Robinho com o Fred também. Vontade, não. Um dia que o jogador do Atlético, disputando clássico, disputando as primeiras posições no Brasileiro, tiver falta de vontade, tem que mudar alguma coisa aqui. O nosso gol, por exemplo, foi uma jogada belíssima de contra-ataque com gols. Se não levássemos gols, consideraríamos muito e elogiaríamos muita a atuação do Atlético agora

Pelo Brasileirão, o próximo compromisso do Atlético é com o Internacional, em Belo Horizonte. O local da partida, se no Independência ou Mineirão, ainda não foi confirmado pela diretoria do clube. Mas antes de pensar no clube gaúcho, o Atlético tem jogo pela Copa do Brasil, contra a Ponte Preta, na quarta-feira, em Campinas. O primeiro jogo terminou empatado em 1 a 1.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos