Final de turno animador deixa Atlético vivo na briga pelo título brasileiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Ale Cabral/AGIF

    Desempenho mineiro nas últimas 12 rodadas do turno é melhor que dos concorrentes

    Desempenho mineiro nas últimas 12 rodadas do turno é melhor que dos concorrentes

Classificado na Copa do Brasil, o Atlético-MG volta temporariamente seu foco no Brasileirão. Com 46 pontos e na terceira colocação, o time faz as contas para o restante do campeonato. Se quiser terminar o ano com a taça de campeão, será necessário voltar a jogar bem para conseguir tirar a atual desvantagem de cinco pontos atrás do líder Palmeiras. Para isso, o retrospecto do primeiro turno pode servir de motivação. Se conseguir repetir o desempenho do turno nos reencontros com os próximos 12 adversários, o time mineiro alcançará 74 pontos, número médio trabalhado pelos matemáticos como suficiente para ser campeão.

Da 8ª a 19ª rodada do Brasileirão, o Atlético-MG enfrentou o Internacional, Ponte Preta, Corinthians, América-MG, Botafogo, Figueirense, Flamengo, Coritiba, Palmeiras, Santa Cruz, São Paulo e Chapecoense. Serão esses os próximos adversários até o final do Campeonato. Diante desses clubes, a equipe teve nove vitórias, um empate e duas derrotas nesses compromissos. Se conseguir repetir o desempenho e somar os 28 pontos, poderá chegará aos 74 pontos.

Além dos matemáticos, a conta de 74 pontos é utilizada também pelo técnico Cuca, atual líder da tabela. "Tem muito chão para rolar, é uma diferença curta. Temos de estar atentos. Não fico pensando quantos pontos estou na frente. Miro lá na frente os 72, 73, 74 pontos. O alvo é esse. Imagino que de 72 a 74 pontos vai sair o campeão esse ano", comentou recentemente o treinador.

O problema é que além de fazer uma boa campanha nesta reta final, será preciso contar com tropeços dos concorrentes. Nos últimos 36 pontos disputados no primeiro turno, o Palmeiras fez 21, sete abaixo do que conquistou o Galo. Já o Flamengo somou 24. Outro fator determinante na busca pelo título será aproveitar o confronto direto com essas duas equipes para tentar diminuir sua atual desvantagem. Na 33ª rodada, recebe o Flamengo e na 35ª o duelo será contra o Palmeiras, também em casa.

Vale lembrar que desde 2006, quando as edições do Brasileirão passaram a ser disputadas com 20 times, nenhum vice-campeão terminou o ano com mais de 72 pontos. Os únicos que atingiram a marca foram o próprio Atlético, em 2012, e o Grêmio, em 2008. Porém, nos últimos dez anos de pontos corridos, por cinco vezes o campeão fez mais de 75 pontos, sendo quatro deles (Corinthians, Cruzeiro duas vezes e Fluminense) nas últimas quatro temporadas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos