Direção do Inter descarta pressão sobre Roth e vê lado positivo na derrota

Do UOL, em Porto Alegre

Segundo o vice de futebol do Internacional, Fernando Carvalho, Celso Roth não será demitido. Após novo infortúnio do Colorado, o dirigente encontrou um lado bom. Para o dirigente, o rendimento mostra evolução. 

"Celso Roth vai seguir conosco e continuar o trabalho", resumiu Carvalho. "Sabemos que o torcedor está entristecido, que o momento é complicado. Mas não podemos ficar trocando a toda hora", completou. 
 
Em campo neste domingo, o Internacional perdeu para o Atlético-MG por 3 a 1. Ficou, com isso, quatro pontos atrás da linha de rebaixamento. Porém, para Carvalho há pontos positivos a sublinhar neste momento. 
 
"Se tivéssemos jogado assim as partidas anteriores, os resultados não seriam aqueles. Encontramos uma forma de jogar e vamos seguir na mesma linha", disse Carvalho. 
 
A reportagem do UOL Esporte já havia explicado, no sábado, as razões pelas quais Roth não sofria ameaça no comando técnico do Inter. Se for o caso do presidente Vitório Píffero optar por uma demissão imediata, todo o departamento de futebol deve sair junto. 
 
O próximo compromisso do Colorado pelo Brasileiro será diante do Figueirense. Confronto direto para tentar evitar o rebaixamento. Porém antes há no calendário o duelo contra o Santos pela Copa do Brasil. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos