Marcelo Oliveira vislumbra melhora, e orienta Cazares fora de campo

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Em busca de evolução, Cazares é orientado por Marcelo Oliveira

    Em busca de evolução, Cazares é orientado por Marcelo Oliveira

Em 28 partidas pelo Atlético-MG, Juan Cazares já marcou nove gols e deu sete assistências. Os números são animadores, mas a comissão técnica demonstra preocupação com o jogador. Não é à toa que Marcelo Oliveira procura orientá-lo com o intuito de evitar que o comportamento extracampo interfira no cotidiano na Cidade do Galo.

Ciente das opções de lazer na capital mineira, o treinador confirma a sua preocupação com o meia-atacante de 23 anos. A intenção das conversas é que ele saiba a necessidade de um comportamento condizente com as atividades profissionais.

"Tenho orientado, é jovem e está em país diferente. Belo Horizonte oferece coisas boas para estrangeiros. É o papel do técnico também fazer isso", afirmou.

Desde que se recuperou de uma ruptura muscular na coxa direita, no aquecimento do jogo contra o Flamengo, em 10 de julho passado, o apoiador disputou cinco partidas (Sport, Cruzeiro, Ponte Preta, Internacional e Juventude). O Atlético marcou oito gols e o estrangeiro só participou efetivamente de um deles. No empate por 2 a 2 com a Ponte Preta, ele deu assistência para Lucas Pratto.

O aproveitamento recente é justificado pelo pouco tempo que teve em campo. Em nenhum dos compromissos, o jogador permaneceu no gramado por 90 minutos. A manutenção recorde desde o seu retorno alcançou 65 minutos, diante do Internacional, no estádio Independência. Na ocasião, ele foi substituído por Dátolo.

Questionado sobre o motivo pelo qual Juan Cazares ainda não repetiu as boas atuações do início da temporada, Marcelo Oliveira não titubeou. O técnico aponta a nova forma de jogar como preponderante para este fator:

"Acho que a influência maior é a posição de ter de puxar contra-ataque em um setor muito congestionado. E o tipo de lesão não foi simples. Sua lesão foi grave e ele vai ganhar segurança e ritmo à medida que for atuando", comentou.

Ficha técnica
Ponte Preta x Atlético-MG

Motivo: 28ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 1º de outubro de 2016 (sábado)
Horário: às 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Diego Almeida Real (RS)
Assistentes: José Eduardo Calza (RS) e Alexandre Pruinelli Kleiniche (RS)

Ponte Preta
Aranha; Jeferson, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Breno Lopes; João Vitor, Wendel e Galhardo; Felipe Azevedo, Ravanelli e Roger.
Técnico: Eduardo Baptista.

Atlético-MG
Victor; Carlos César, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Rafael Carioca, Leandro Donizete (Júnior Urso), Clayton, Cazares, Robinho; Fred.
Técnico: Marcelo Oliveira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos