Celso Roth diz que necessidade de vitória não muda com avanços do Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

O Internacional deixou, mesmo que momentaneamente, a zona de rebaixamento. Até sábado, ao menos, o time vermelho está fora da região de degola graças as vitórias sobre Figueirense e Coritiba. E depois do último jogo, nesta quinta, o técnico Celso Roth disse que a necessidade de vitória segue a mesma. 

"A necessidade de vitória não muda nunca. Temos que ter ainda mais neste momento. O fator torcida é fantástico. A torcida é fantástica. Só que este grau do tamanho da torcida do Inter também pesa sobre os jogadores neste momento. Eles também são responsáveis para que a torcida esteja conosco. Pela atuação deles. A torcida se inflama com a entrega. Às vezes não estão tão bem mas correm e se entregam e a torcida vê isso", disse Celso. 
 
O jogo desta quinta foi dramático. O Inter teve um pênalti contra no segundo tempo. Juan bateu e Danilo Fernandes defendeu. Em seguida, Valdívia sofreu pênalti e Vitinho bateu para fazer 1 a 0 sobre o Coritiba. 
 
"A vitória é mais importante. A atuação foi boa, de novo defensivamente melhor que ofensivamente. Estamos errando ainda muitas coisas, passes de menos de cinco metros, domínios... Mas defensivamente o time foi seguro. A penalidade contra não sei se aconteceu, a impressão é que não foi pênalti. Mas, enfim, estamos longe. E depois tivemos a recompensa por batalhar tanto, buscar o gol mesmo desordenadamente e com uma certa pressa para fazer as coisas. Fomos recompensados e vencemos", completou. 
 
Com 33 pontos, o time gaúcho ultrapassou o Cruzeiro. No sábado, o time mineiro pega a Ponte Preta. O próximo compromisso do Inter será no Rio de Janeiro, contra o Botafogo. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos