Na folga, jogadores do Atlético-MG têm uma missão: ver Palmeiras e Flamengo

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Atlético-MG

    Sem jogar no final de semana, tarefa será acompanhar os concorrentes na luta pelo título

    Sem jogar no final de semana, tarefa será acompanhar os concorrentes na luta pelo título

Como o Atlético-MG já entrou em campo pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, na quarta-feira, quando empatou sem gols com o Corinthians, os jogadores atleticanos estão de folga neste domingo (9). Mas o dia não vai ser totalmente livre. O técnico Marcelo Oliveira fez um pedido aos atletas: acompanhar os jogos de Palmeiras e Flamengo, os outros dois postulantes ao título nacional.

As duas partidas estão marcadas para as 17h. O líder Palmeiras enfrenta o América-MG, mas num jogo bem longe de Belo Horizonte. Com a equipe mineira vendeu o mando de campo, a partida vai ser disputada em Londrina, no norte do Paraná.

Já o Flamengo, apesar de mandante, joga em São Paulo, contra o Santa Cruz. A expectativa é de mais um grande público no Pacaembu, assim como foi nos jogos do time rubro-negro por lá, contra Fluminense, pelo Campeonato Carioca, e Figueirense, pelo Brasileirão.

"Vou pedir, mas para a gente que milita no futebol, pelo profissionalismo, é quase natural que vejam os jogos. Principalmente aqueles jogos que têm ligação direta com a classificação. Mas secar não. O que tiver de acontecer, vai acontecer. Nós temos de preparar para fazer o nosso jogo bem feito, produzir bem, para pontuar. É possível que tenha ainda algum tropeço, alguma adversidade. E temos de estar preparado para encostar novamente e fazer os confrontos diretos".

Com um jogo a mais e quatro pontos atrás do líder, o Atlético pode fechar a rodada 29 em situação ainda mais difícil do que se encontrava em 2015. Também disputando o título nacional, com o Corinthians, o Atlético somava 56 pontos após 29 partidas, cinco atrás da equipe paulista. Como o Palmeiras joga contra o lanterna e com a sensação de estar em casa, a expectativa é que o time treinado por Cuca amplie a vantagem sobre o Atlético para sete pontos.

E a ordem do treinador vai ser seguida, pelo menos com o atacante Clayton. "Vou aproveitar o dia para descasar com meus familiares, mas neste momento do campeonato não tem como se desligar de tudo. Vou até torcer pelo América", disse o jogador atleticano.

Apesar do favoritismo para Palmeiras e Flamengo, que jogam contra os dois piores times da competição, o técnico Marcelo Oliveira mantém o otimismo e lembra de como é difícil uma partida do Campeonato Brasileiro.

"A questão é que eles vão jogar. Pode passar na cabeça de muita gente que eles vão pontuar, mas tem jogo. Tem jogo com o América, tem jogo com o Santa Cruz. E os jogos do Campeonato Brasileiro são sempre muito duros. Por mais que Palmeiras e Flamengo tenham uma boa regularidade, uma boa produção, eles têm uma rodada para cumprir e nós já cumprimos".

Em função das Eliminatórias para a Copa do Mundo, a rodada 29 foi desmembrada em muitas datas. O Atlético volta a jogar somente nesta quinta-feira, quando recebe o América-MG, no Mineirão, às 19h30.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos