Gum volta a ser perseguido por torcida e revive fim de temporada turbulento

Do UOL, no Rio de Janeiro

Ser perseguido pela torcida na reta final do Campeonato Brasileiro não chega a ser uma novidade para Gum no Fluminense. O zagueiro viveu essa experiência no ano passado, quando chegou a ser considerado carta fora do baralho para 2016. O salário alto fez com que os interessados não o levassem e ele seguiu nas Laranjeiras. Ele deu a volta por cima e recuperou a titularidade, mas falhas recentes o fizeram ficar em situação delicada e ser perseguido novamente pelos tricolores.

Após ser colocado na lista de transferências do Fluminense, em 2015, Gum não chegou a um acordo com clubes interessados e ficou no Rio. Iniciou a temporada no banco de reservas, mas deu a volta por cima. Tudo caminhava bem até que nos últimos jogos, o defensor voltou a cometer falhas decisivas – contra Sport, Santos e São Paulo.

Na última segunda-feira, Gum sentiu na pele novamente a perseguição da torcida. O Fluminense ganhava por 1 a 0 e tinha tudo para definir a vitória diante do São Paulo. Só que o zagueiro e Marquinho fizeram uma verdadeira lambança que resultou no empate dos paulistas, que conseguiram a virada em seguida.

Foi o suficiente para que a torcida se lembrasse dos demais erros recentes do zagueiro e passasse a vaiar o jogador a cada toque na bola. Experiente, manteve o nível que vinha apresentando, mas não há como negar o baque sofrido com as vaias.

"Demos bobeira. Três derrotas consecutivas, para uma equipe que está brigando por Libertadores não pode. Fizemos um bom primeiro tempo, no segundo caímos muito e temos que ver o que fazer para melhorar. No primeiro tempo propomos o jogo. No segundo esperamos, é natural. Mas recuamos demais, chamamos eles para o nosso campo, tomamos o primeiro gol de bobeira, o segundo de bola parada mais uma vez. Esses erros não podem acontecer com time que está brigando por Libertadores", disse

Com a derrota, o Fluminense se mantém com 46 pontos, mas cai para a 8ª posição – perdeu vaga no G6, que garante vaga na Libertadores de 2017. O Tricolor volta a campo no próximo domingo, quando visitará o Coritiba, no Couto Pereira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos