Com gol de novo xodó, São Paulo bate Ponte e se afasta da zona de perigo

Do UOL, em São Paulo

Com o primeiro gol de David Neres como profissional, o São Paulo venceu a Ponte Preta por 2 a 0 na tarde deste sábado (22) e se afastou de vez da zona do rebaixamento. A partida realizada no estádio do Morumbi foi válida pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Tricolor pulou para a 11ª posição da tabela de classificação, com 42 pontos somados. Por outro lado, a Macaca segue com os mesmos 45 pontos e ficou com o 10º posto.

Na próxima rodada da competição nacional, o time comandado pelo técnico Ricardo Gomes visita o América-MG na segunda-feira (31), às 20 horas (de Brasília). Enquanto isso, a equipe do interior paulista enfrenta o Sport na quinta-feira (27), às 20h30 (de Brasília), na Ilha do Retiro.

Quem foi bem: Autor de gol é o destaque

Além de marcar um gol em cobrança de pênalti, Cueva também foi responsável por construir as melhores jogadas do São Paulo.

Quem foi mal: Sorte abafa lambança na área do São Paulo

A sorte ajudou os anfitriões depois de uma sequência de vacilos no final do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio, Dênis não conseguiu afastar e socou para trás. Na sequência, Rodrigo Caio cabeceou na trave, a bola pingou quase na linha do gol e o arqueiro tricolor agarrou a bola.

Cueva inaugura o placar

Aos 10 minutos do primeiro tempo, Fábio Ferreira tocou a mão na bola dentro da área e o árbitro assinalou a penalidade máxima. Cueva cobrou no canto direito, Aranha foi bem, chegou a tocar na bola, mas não evitou o gol são-paulino.

Sinalizadores atrasam volta para o segundo tempo

A etapa complementar da partida entre São Paulo e Ponte Preta começou com atrasos por causa do uso do sinalizador por torcedores do tricolor. Foram 3min30s a mais de intervalo.

Torcida pede e Chavez entra em campo

Com boas jogadas, mas pecando nas finalizações, o São Paulo teve que sofrer alterações. A torcida pediu e o técnico Ricardo Gomes colocou Chavez no lugar no jovem Pedro aos 15 minutos do segundo tempo.

Xodó marca e sela vitória do São Paulo

Rivaldo Gomes/Folhapress

O novo xodó da torcida tricolor, David Neres, marcou seu primeiro gol como profissional e selou a vitória da equipe anfitriã aos 36 minutos da etapa complementar.

Aposta na base

O São Paulo entrou em campo com novidades na equipe titular. O técnico Ricardo Gomes escalou cinco jogadores que vieram da base: Lyanco e Rodrigo Caio formando a zaga, João Schmidt no meio e David Neres e Pedro na linha de frente. No final do segundo tempo, Luis Araújo e Wellington, também da base, complementaram.

"Acredito na formação do São Paulo", disse o treinador são-paulino antes do início do confronto.

Morumbi cheio

Rivaldo Gomes/Folhapress

A equipe tricolor teve grande apoio da torcida na tarde deste sábado. Com a promoção de ingressos feita pela diretoria do time, o Morumbi recebeu 49.673 torcedores nas suas arquibancadas.

Homenagem

Antes do apito inicial, um minuto de silêncio foi realizado no Morumbi em homenagem a Lucas Jesus dos Santos, jogador da base da Portuguesa que morreu na manhã de quinta-feira.

Foco na competição e de olho na tabela

"Sabemos que o Campeonato é muito difícil. Temos que ir jogo a jogo. Agora vamos focar no América-MG. Temos uma semana cheia para trabalhar, para mais uma vitória. Vamos pensar jogo a jogo", falou Rodrigo Caio à ESPN.

"Temos que ter muita atenção ainda, continuar trabalhando para terminar em uma posição melhor", comentou o goleiro Denis.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 2 X 0 PONTE PRETA

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo
Data: 22 de outubro, sábado
Hora: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (PE)
Auxiliares: Clovis Amaral da Silva e Cleberson Nascimento Leite (ambos de PE)
Cartões Amarelos: Roger (Ponte Preta)
Público e renda: 49.673 pessoas e R$ 600.541,00
Gols: São Paulo – Cueva, aos 11 minutos do primeiro tempo e David Neres aos 36 do segundo tempo

SÃO PAULO: Denis; Wesley, Lyanco, Rodrigo Caio e Mena; João Schmidt, Thiago Mendes e Cueva; David Neres (Wellington), Kelvin (Luís Araújo) e Pedro (Chavez).
Técnico: Ricardo Gomes

PONTE PRETA: Aranha; Nino Paraíba, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Reinaldo; Wendel (Thiago Galhardo), João Vitor e Maycon; Clayson, Roger (William Potker) e Rhayner.
Técnico: Eduardo Baptista

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos