Kleber nega xingamento, mas juiz diz que o expulsou por causa de palavrão

Do UOL, em São Paulo

Depois do jogo entre Coritiba e Fluminense, o atacante Kleber mostrou sua revolta por ter sido expulso ainda no primeiro tempo. Ele afirmou que não fez falta que justificasse isso e nem proferiu nenhum xingamento. Mas o árbitro da partida, Raphael Claus, escreveu na súmula que mostrou o cartão vermelho por causa de um palavrão.

Primeiro Kleber reclamou e se defendeu no Couto Pereira: "ele não tem como justificar minha expulsão. O que ele escrever não será verdade. Ele não pode falar que eu xinguei. Em momento algum xinguei ele. Como o Alex disse, quando saiu o nome dele, que ia apitar nosso jogo, lembrei que ele nos prejudicou aqui no ano passado contra o Internacional, que foi um pênalti absurdo, escandaloso".

Depois foi divulgada a súmula em que Raphael escreveu sua versão dos fatos: "Kleber foi expulso por, após ter cometido uma falta sancionada por mim, virou-se em minha direção e dirigiu-se as seguintes palavras: vai tomar no seu c...".

O juiz também relatou a reclamação de jogadores e da comissão técnica, mas disse que todos entenderam sua justificativa: "ao término do 1º tempo jogadores reservas e comissão técnica dirigiram-se em minha direção perguntando o motivo da expulsão. O diretor do coritiba sr. Alex Brasil invadiu o campo de jogo ao término do 1º tempo me questionando sobre o motivo da expulsão. Após minha resposta esclarecendo o motivo da expulsão, não houveram mais questionamentos e todos saíram de campo normalmente".

Mesmo com um jogador a menos, o Coritiba conseguiu segurar o Fluminense e empatou por 1 a 1. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos