Invencibilidade e "finais". Braz explica como Santos pode chegar ao título

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/Santos FC

    Braz também acredita na escalação de Ricardo Oliveira, que sente dores e preocupa

    Braz também acredita na escalação de Ricardo Oliveira, que sente dores e preocupa

O zagueiro David Braz está confiante que o Santos pode chegar ao título do Campeonato Brasileiro. O defensor citou a recente invencibilidade da equipe santista na competição. O time não perde há cinco rodadas. Foram quatro vitórias (contra Atlético-PR, Fluminense, São Paulo e Chapecoense) e um empate contra o Grêmio.

A última rodada ocorreu para o Sport por 1 a 0, no dia 24 de setembro, na Ilha do Retiro, pela 27ª rodada do Brasileirão.

Além de lembrar a boa fase na competição, Braz ressaltou que o Santos tem confrontos diretos com os dois primeiros colocados – Palmeiras e Flamengo. A equipe santista encara o rival paulista, líder da competição, neste sábado, às 19h30 (de Brasília), na Vila Belmiro, e o time carioca na penúltima rodada do Brasileiro.

"Vamos nos preparar bastante pra diminuir essa vantagem do Palmeiras e nada melhor do que vencer esse jogo em casa, com o apoio do nosso torcedor. A gente sabe que é difícil (título), mas enquanto houver chance a gente vai acreditar, vamos pensar jogo a jogo. Conseguimos somar pontos contra Chapecoense. Vamos encontrar dificuldades, mas enquanto houver chance nós vamos acreditar", afirmou Braz.

"A gente está há algum tempo sem perder no Brasileiro, perdemos para o Sport e depois não perdemos mais. Esperamos continuar assim até o final da competição. Temos dois confrontos diretos ainda (Palmeiras e Flamengo). E neste domingo, nós sabemos que vai vir uma equipe forte do Palmeiras, que tem pontuando bem fora de casa", disse.

O Santos está na quarta colocação do Brasileiro, com 58 pontos, nove a menos que o líder Palmeiras, três do segundo colocado, Flamengo, e apenas a um ponto do Atlético-MG, terceiro colocado.

Para o enfrentar o Palmeiras, o Santos pode contar com o retorno do meia Vitor Bueno, que se recupera de lesão muscular na coxa esquerda. Em contrapartida, o atacante Ricardo Oliveira foi substituído aos 20 minutos do segundo tempo da partida contra a Chapecoense após sentir dores na coxa direita e preocupa.

Braz acredita que o capitão santista estará em campo no clássico. "Já deu uma melhorada no dia mesmo, no dia que ele sentiu a dor, acredito que ele vai estar bem até o final da semana", disse.

Após o clássico contra o Palmeiras, o Santos encara Ponte Preta (fora), Vitória (em casa), Cruzeiro (fora), Flamengo (fora) e América-MG (em casa). 

Quer receber notícias do Santos de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos