Juiz baiano em jogo do Sport revolta pernambucanos, que pedem mudança à CBF

Do UOL, em São Paulo

  • Almeida Rocha/Folhapress

    Baiano Jaílson Macedo Freitas apitará o jogo entre Sport x Ponte Preta

    Baiano Jaílson Macedo Freitas apitará o jogo entre Sport x Ponte Preta

O Sport não ficou nada satisfeito com o sorteio do árbitro Jailson Macedo Freitas para a partida da próxima quinta-feira, contra a Ponte Preta, na Ilha do Retiro, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. A revolta do clube pernambucano se dá porque Jailson é baiano, e um de seus concorrentes diretos na luta contra o rebaixamento é o Vitória, time da Bahia.

Em entrevista à Rádio Jornal, o vice-presidente do Sport, Arnaldo Barros, disparou contra a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e disse que o sorteio é uma 'represália' por conta das reclamações feitas pelo Sport em relação ao jogo do último domingo, contra o Palmeiras.

Arnaldo Barros revelou ainda que o Sport fez uma solicitação à CBF para que haja alteração do árbitro da partida. Porém, a expectativa do clube é que nada seja feito.

"A palavra que encontro para isso é aberração. Só posso entender esse sorteio como uma represália às criticas que nós fizemos por conta do pênalti não marcado no domingo. A CBF resolveu retaliar o Sport. Essa situação é uma insanidade", disse o dirigente rubro-negro.

"Esse árbitro já vai chegar aqui com a convicção que não fará uma boa arbitragem. Já tomamos as medidas judiciais e vamos lutar até a última possibilidade para tentar mudar esse quadro. Vamos tentar tudo o que estiver ao nosso alcance", acrescentou.

O dirigente rubro-negro lembrou que o Sport chegou a solicitar à CBF a mudança de um árbitro no ano passado. Na ocasião, o paulista Luiz Flávio de Oliveira foi escalado para apitar o jogo contra o Corinthians, o que gerou reclamação do clube de PE antes e depois do confronto.

"No ano passado aconteceu uma situação semelhante. Nos revoltamos e fizemos protestos formais, mas a comissão de arbitragem manteve o árbitro, que marcou um pênalti que não deveria ter marcado. Acabamos perdendo um jogo que não era para termos perdido", disse.

Outro lado

Se por um lado Sport x Ponte Preta terá um árbitro baiano, o jogo entre Fluminense e Vitória, sexta-feira, no Maracanã, contará com um juiz pernambucano no comando. Fato que não minimizou as críticas de Arnaldo Barros.

"Colocar o senhor Nielson para o jogo do Vitória não garante nada ao Sport. E o Sport não quer ser beneficiado mediante algum prejuízo que o senhor Nielson pode causar ao Vitória. Nós queremos um campeonato limpo, sem que os resultados sejam desvirtuados do obtido dentro de campo", disse.

"Queremos que ele faça a melhor arbitragem do mundo no jogo do Vitória. Mas ter um arbitro baiano no nosso jogo não nos dá segurança. É uma aberração", completou.

O Sport soma 37 pontos na tabela do Brasileirão e ocupa a 16ª posição, enquanto o Vitória é o 17º colocado e tem 35 pontos.

Quer receber notícias do Sport de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos