Há quem não critique! Técnico do Fla isenta árbitro de culpa no empate

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

Num Campeonato Brasileiro marcado por uma série de erros e críticas à arbitragem, há quem ainda apareça para sair em defesa dos homens do apito. Após o empate em 2 a 2 com o Atlético-MG, o técnico do Flamengo, Zé Ricardo, isentou de culpa o árbitro Braulio da Silva Machado.

Durante o duelo, alguns rubro-negros reclamaram da marcação do pênalti de Réver em Fred, que ocasiou o primeiro gol do Galo, e de uma suposta falta em Diego após estourar o tempo de acréscimo no segundo tempo.

"Discordo que o árbitro interferiu na partida. Ele teve arbitragem bem firme até num momento de muita pressão sobre ele. Absolvo ele de qualquer tipo de decisão. Optou por marcar o pênalti... O árbitro teve boa atuação. Sobre a falta no Diego no último minuto, o lance parece que foi faltoso, mas ele estava no direito de terminar a partida, que tinha dado 49 minutos já", declarou.

Na avaliação do treinador, o empate em 2 a 2 foi um resultado justo pelo que as equipes apresentaram no Mineirão.

"Foi uma partida cercada de variáveis, emoções, número de gols. É muito difícil jogar aqui no Mineirão. O Atlético é muito forte, com jogadores de muita movimentação. Fiquei feliz pelo primeiro tempo. Voltamos a jogar bem, mas no segundo tempo sofremos com as mudanças deles... Poderíamos ter definido o segundo gol, sofremos dois. Acho que o gol no fim da partida veio fazer jus ao que fizeram as duas equipes.

Com o resultado, o Flamengo se manteve na segunda colocação com 62 pontos. Caso o Atlético-MG tivesse vencido, teria ultrapassado o Rubro-Negro na tabela do Campeonato Brasileiro.

Na próxima rodada o Flamengo tem pela frente o clássico com o Botafogo no Maracanã.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos