Palmeiras vence Inter e afasta pressão do Santos na briga pelo título

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo

O desempenho oposto ao resultado. Em uma tarde de futebol truncado, o Palmeiras ganhou ainda mais folga na liderança do Campeonato Brasileiro. Diante de mais de 30 mil pessoas no Allianz Parque, o time comandado por Cuca derrotou o Internacional pelo placar de 1 a 0, neste domingo, e se aproximou ainda mais da conquista do título.

O resultado positivo conquistado graças ao gol do meia Cleiton Xavier, aos 18min do primeiro tempo, deixa o Palmeiras a apenas uma vitória da meta definida por Cuca para encerrar o jejum de 22 anos sem conquista da Série A. Com 70 pontos, a diferença para o vice-líder subiu para seis com o tropeço do Flamengo no último sábado.

A quatro rodadas do fim da competição, o Santos surge como principal perseguidor e única ameaça ao título palmeirense. O clube de Vila Belmiro chegou aos 64 com a vitória de virada sobre a Ponte Preta (2 a 1), em duelo ocorrido na manhã deste domingo.

O Internacional, por outro lado, se complicou na briga contra o rebaixamento. O time colorado tem 38 pontos e não vence há três partidas. Foi ultrapassado pelo Vitória, que venceu na rodada, e por isso volta à zona de rebaixamento.

As duas equipes agora terão dez dias antes de retornarem aos gramados. O Palmeiras pode se aproximar ainda do título no próximo dia 17, quando encarará o Atlético-MG, no Independência. Na mesma data, o Internacional recebe a Ponte Preta. Ambos os duelos estão marcados para as 21h (de Brasília).

Quem foi bem: Yerry Mina

Enquanto o setor ofensivo com Dudu e Jesus viveu uma tarde ruim, Yerry Mina mais uma vez sobrou no sistema defensivo. O zagueiro colombiano deu sustentação à zaga palmeirense e ainda se mostrou à vontade para iniciar o trabalho de ataque do time de Cuca. Muito da pouca eficiência do Inter deve-se a mais uma ótima atuação do camisa 26 do Palmeiras.

Quem foi mal: Gabriel Jesus

No último jogo antes de se apresentar à seleção brasileira, Gabriel Jesus novamente não correspondeu. O camisa 33, grande estrela palmeirense, se movimentou e procurou o jogo, mas acumulou erros de passes e decisões equivocadas, que atrapalharam o time. Nem a mudança de posicionamento para a ponta desafogou o atacante, agora há oito partidas sem anotar gols.

Cleiton Xavier ressurge na hora H

Mauro Horita/AGIF

Único meia especificamente de criação do elenco palmeirense, Cleiton Xavier ganhou uma nova chance neste domingo. Pela primeira vez titular desde 21 de agosto, o camisa 10 mostrou-se participativo e ainda acabou premiado com um gol. Oportunista, o veterano de 33 anos aproveitou desvio de Thiago Santos e abriu o marcador no Allianz Parque. No segundo tempo ele não suportou as dores no ombro e acabou substituído por Fabiano.

Palmeiras sofre com conhecidos problemas

Rubens Cavallari/Folhapress

Mesmo com a opção mais ofensiva de Cleiton Xavier e o retorno de Róger Guedes ao time titular, o Palmeiras sofreu com mais uma tarde de desempenho aquém do esperado. Diante de um Inter com a marcação bem encaixada, o líder do campeonato dependeu das bolas paradas para assustar Danilo Fernandes. No primeiro tempo, as duas finalizações ao gol saíram desta maneira.

Internacional se fecha no Allianz Parque

O Internacional se apresentou como um time compacto e bem armado defensivamente no Allianz Parque. As linhas próximas na intermediária resguardaram o gol de Danilo Fernandes e permitiram pouco sossego do Palmeiras no ataque. Jesus e Dudu, bem marcados, foram forçados a erros com os quais não estão acostumados a apresentar.

Cuca não 'recupera' Gabriel Jesus

Rubens Cavallari/Folhapress

O treinador palmeirense colocou como missão a si próprio resgatar o futebol pleno de Gabriel Jesus. Cuca escalou o artilheiro palmeirense no Brasileiro como centroavante, mas mudou a ideia inicial com a atuação bem apagada na primeira etapa. Alecsandro entrou como referência, e Jesus posicionou-se na ponta direita. A alteração, no entanto, pouco alterou a tarde ruim do camisa 33.

Celso Roth desiste de William no meio

Rubens Cavallari/Folhapress

O treinador colorado apresentou uma novidade na escalação do Internacional: a opção por William no setor de meio-campo. Sem vitórias nos cinco jogos em que o camisa 2 atuou mais avançado e com a derrota parcial ao final da primeira etapa, o treinador voltou com o campeão olímpico na lateral direita e optou por lançar o jovem Diego, destaque do time B.

Tensão

A atuação abaixo do esperado refletiu no comportamento dos torcedores nas cadeiras do Allianz Parque. Sem o setor Gol Norte, fechado pela última vez em virtude de decisão do STJD, o torcedor sentiu a tensão da partida. Fora os gritos dos organizados, as manifestações mais fortes sugiram em lances pontuais, como um desarme bem executado de Thiago Santos sobre Anderson.

Gramado reformado suporta forte chuva

Rubens Cavallari/Folhapress

A grande discussão da semana em torno da partida recaiu sobre as condições do gramado no Allianz Parque. Reformado durante os últimos dez dias, inclusive com trechos totalmente trocados, o terreno de jogo suportou a forte chuva que atingiu São Paulo durante o primeiro tempo. O piso apresentou, segundo análise da própria WTorre, 75% das condições ideais.

Ficha Técnica

Palmeiras 1 x 0 Internacional
Data:
06/11/2016
Local: Arena Allianz Parque, em São Paulo-SP
Hora: 17h00 (de Brasília)
Público: 31.967 pessoas
Renda: R$ 2.112.446,12
Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (PE)
Assistentes: Clovis Amaral da Silva (PE) e Cleberson do Nascimento Leite (PE)
Cartão Amarelo: não houve
Cartão Vermelho: não houve
Gol: Cleiton Xavier aos 16 minutos do primeiro tempo.

Palmeiras: Jailson; Jean, Mina, Vitor Hugo e Zé Roberto; Thiago Santos (Gabriel), Tchê Tchê, Cleiton Xavier (Fabiano), Róger Guedes (Alecsandro) e Dudu; Gabriel Jesus. Treinador: Cuca.

Internacional: Danilo Fernandes; Ceará (Eduardo Sasha), Paulão, Ernando e Geferson; Anselmo, Rodrigo Dourado, William, Alex (Valdívia) e Anderson; Aylon (Diego). Treinador: Celso Roth.

Quer receber notícias de Palmeiras ou Internacional de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos