Gremistas veem 'jogo terrível' e querem aprender com queda para o Sport

Do UOL, em Porto Alegre

"Foi um jogo terrível", disse o goleiro Marcelo Grohe para definir a atuação do Grêmio na derrota por 3 a 0 diante do Sport, pela 34ª rodada do Brasileiro. A queda em casa foi pela maior margem da história da Arena e mesmo com time misto a ideia é aprender com o ocorrido para que não ocorra novamente. 

"Foi um jogo terrível. Não queríamos isso. Eu acho que temos um objetivo no Brasileiro que é o G-6. Mas foi um dos nossos piores jogos no ano. Era um time misto, mas já fizemos bons jogos com o time que não vem jogando. Não serve como desculpa. É uma situação para todo mundo ver que tem que manter o foco e concentração. Aconteceu numa hora que poderia acontecer, digamos assim, para não deixarmos as coisas caírem. Temos um objetivo grande ainda e alguns dias pela frente. Temos que continuar trabalhando sério. Serve de lição", disparou Grohe. 

O Grêmio poderia ter entrado no G-6, mas não aconteceu. Com uma atuação apática, o time tricolos mostrou que realmente pensa é nas finais da Copa do Brasil, onde enfrentará o Atlético-MG nos dias 23 e 30 deste mês. Já o Sport abriu cinco pontos em relação ao Inter, primeiro na zona de rebaixamento. 

"Não é o que a gente queria, não tem momento para perder, entramos para vencer, mas não fizemos o que estamos acostumados mas tomamos três gols que não estamos acostumados a falar. Não dá para aceitar esta derrota", alertou o lateral esquerdo Marcelo Oliveira. 

O Grêmio, agora, se prepara para encarar o São Paulo na próxima semana. Kannemann recebeu o terceiro cartão amarelo e está fora da partida. 

Quer receber notícias do Grêmio de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos