Garotos viram 'bombeiros' do Corinthians após goleada contra o São Paulo

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Dassler Marques/UOL Esporte

    Léo Príncipe (à esquerda), Léo Santos (centro) e Pedro Henrique falam em entrevista coletiva

    Léo Príncipe (à esquerda), Léo Santos (centro) e Pedro Henrique falam em entrevista coletiva

A primeira palavra do Corinthians na semana seguinte à derrota por 4 a 0 para o São Paulo foi dos garotos. O lateral Léo Príncipe e os zagueiros Pedro Henrique e Léo Santos, que devem estar em campo no próximo jogo com o Figueirense (16/11), é que foram incumbidos de virar a página. Em entrevista, mostraram que não tratam a oportunidade como 'roubada'. 

"O momento realmente não é dos melhores, pelo que o clube passou", admitiu o garoto Léo Santos, 17 anos, que deverá fazer sua estreia entre os profissionais na reta final do Brasileirão. "Eu me preparo psicologicamente da melhor forma. Não penso que é uma fria, penso que é a oportunidade da minha vida, independente dos resultados anteriores", comentou ainda. 

"É uma alegria imensa ser o mais velho da linha de quatro", disse Pedro Henrique, de 21 anos. "Os dois que estão aqui ao meu lado têm qualidade, senão não estariam no Corinthians. Tenho certeza que vão dar conta do recado. (...) Temos que esquecer o resultado do clássico e pensar já no Figueirense. Nós lutamos pela zona de Libertadores, temos que trabalhar o tempo todo e dar o nosso melhor para sair com resultado positivo", acrescentou. 

O lateral direito Léo Príncipe, 20 anos, também saiu em defesa das oportunidades para os mais jovens. "Nós disputamos vários campeonatos juntos, chegamos a finais juntos e ganhamos títulos. Nós podemos ajudar o profissional", afirmou, para a concordância de Léo Santos.

"A base do São Paulo tem dado solução para o time principal. Acho que, com toda certeza, aqui pode acontecer também. Nós temos qualidade, não à toa nós estamos sendo relacionados. Estamos aqui e podemos ajudar", emendou o estreante. 

As oportunidades para os jogadores mais jovens surgem em função de desfalques para o próximo jogo. Balbuena e Vílson, zagueiros, estão suspensos, além de Yago que está machucado. Já Fagner, lateral direito, estará a serviço da seleção. 

Quer receber notícias do Corinthians de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos