Coritiba vence, rebaixa Santa Cruz e se aproxima de permanência na elite

Do UOL, em São Paulo

Durou pouco a permanência do Santa Cruz na Série A. Apenas um ano depois de ser vice da Série B e conquistar o acesso, o time pernambucano voltou à segunda divisão do futebol nacional depois de ser derrotado por 1 a 0 pelo Coritiba na noite desta quarta-feira, no Couto Pereira. Leandro foi o autor do único gol da partida, válida pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O resultado faz do Santa Cruz o primeiro time rebaixado neste Campeonato Brasileiro, com três rodadas de antecedência. Com apenas 27 pontos somados, não pode mais alcançar o 16º colocado Vitória, que soma 39. Outro que confirmo o descenso nesta quarta-feira foi o América-MG, que acabou derrotado pelo Flamengo.

Por outro lado, o resultado praticamente assegura a permanência do Coritiba na Série A. O time de Paulo César Carpegiani vai a 45 pontos – assumindo o 14º lugar – e abre sete em relação ao Internacional, que ainda joga nesta quinta contra a Ponte Preta no Beira-Rio.

O melhor: Kleber Gladiador

GIULIANO GOMES/ESTADÃO CONTEÚDO
Já vinha sendo o jogador mais participativo do Coritiba, com boas jogadas e até alguns carrinhos que empolgaram a torcida alviverde. Mas acabou sendo mesmo decisivo na jogada e no passe que resultaram no único gol da partida, feito por Leandro.

O pior: Raphael Veiga

Apagado, errou muitos passes no primeiro tempo e acabou substituído já no intervalo por Paulo César Carpegiani.

Santa Cruz cria, mas não faz

O Coritiba encontrou dificuldades diante do Santa Cruz, especialmente na etapa inicial. Mais consciente, o time pernambucano saiu bem nos contra-ataques e criou boas chances de gol, inclusive uma bola na trave de Grafite, ao contrário da equipe paranaense, que errou muitos passes, teve trabalho na saída de bola e encontrou dificuldades diante de uma bem armada defesa do Santa. Só conseguiu levar a melhor depois de 74 minutos, com uma boa jogada de Kleber e finalização melhor ainda de Leandro.

Futuros palmeirenses em campo

Dois jogadores acertados com o Palmeiras para o ano que vem puderam ser vistos no Couto Pereira nesta noite. Keno, pelo Santa Cruz, e Raphael Veiga, pelo Coritiba. Ambos, porém, tiveram atuações discretas. O primeiro apareceu com perigo em algumas jogadas e deu duas ótimas assistências para chances desperdiçadas por Léo Moura, no primeiro tempo, e Grafite, na etapa final. Já o segundo errou muitos passes e acabou substituído no intervalo.

Carpegiani segue invicto em casa

O Coritiba continua invicto no Couto Pereira sob o comando do técnico Paulo César Carpegiani. Desde a sua chegada, no início agosto, o time alviverde acumulou seis vitórias (incluindo a desta quarta-feira) e três empates.

As palavras dos jogadores corais

Grafite: "É complicado. Depois de um primeiro semestre que tivemos. É melancólico para mim, jogadores, clube e torcedores. Mas futebol é assim. Quem não se prepara e qualifica é punido. Trabalhamos e fizemos nosso melhor, mas não foi o suficiente para manter o time na primeira".

Tiago Cardoso: "Começamos o ano muito bem com título do Estadual, Copa do Nordeste e série A começou muito bem. De repente as coisas não funcionaram como a gente queria. É difícil disputar Série A com coisas extracampo. Não tivemos equilíbrio necessário para permanecer. São vários fatores que pesam. Acabamos com a cabeça erguida pelo que tentamos. Nunca entramos para perder nem com corpo mole".

CORITIBA 1 X 0 SANTA CRUZ

Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 16/11/2016 (quarta-feira)
Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (Asp.Fifa-RS)
Assistentes: Nadine Schramm Camara Bastos (Fifa-SC) e Leirson Peng Martins (RS)
Cartões amarelos: Rapahel Veiga, Carlinhos e Dodô (Coritiba); Derley, Danny Morais (Santa Cruz)
Gol: Leandro, aos 29min do segundo tempo

CORITIBA
Wilson, César Benítez, Walisson Maia, Juninho e Carlinhos (Dodô); Amaral, Juan (Ian) e Raphael Veiga (Yago); Leandro, Kazim e Kleber
Técnico: Paulo César Carpegiani

SANTA CRUZ
Tiago Cardoso; Vítor (Arthur), Luan Peres, Danny Morais e Roberto; Derley (Bruno Morais), Jadson (Pisano), Léo Moura e João Paulo; Keno e Grafite.
Técnico: Adriano Teixeira

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos