Jogadores do Atlético encontram motivo para comemorar empate

Enrico Bruno, Thiago Fernandes e Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

O Atlético-MG já tinha praticamente deixado o Brasileiro de lado. Mas só agora teve a confirmação matemática. Depois do empate contra o Palmeiras, o Galo tem ainda mais nove pontos para disputar no campeonato, mas não pode mais alcançar o líder, o que oficialmente dá fim ao sonho do título. Mas os jogadores da equipe mineira encontraram um motivo para comemorar. Após um desempenho bem abaixo do esperado na rodada passada, os atletas comentaram sobre a boa atuação do time no Independência, o que dá mais confiança para os próximos jogos, principalmente as duas decisões contra o Grêmio, pela Copa do Brasil.

"Esse é o espírito, temos que jogar dessa maneira sempre. Colocar a bola no chão como fizemos. Merecemos a vitória, mas é jogo de Libertadores, pegado, disputado. Agora temos que levar esse espírito para quarta-feira. Não era o resultado que nós queríamos, mas saímos felizes pelo futebol e pela garra", comentou o volante Leandro Donizete.

Antes de iniciar a final contra o Grêmio, na semana que vem, a equipe entra em campo neste domingo, contra o Santa Cruz, no Arruda.

"Temos que pensar no jogo de domingo também, respeitando o Santa Cruz. Mas depois disso já é pensar na decisão. Não escondemos que nosso foco é na Copa do Brasil, mas também não podemos ter uma atuação ruim no domingo. Temos que manter esse espírito para chegar bem na decisão da semana que vem", falou o goleiro Victor.

Para a partida da ida contra o Grêmio, o presidente do Atlético, Daniel Nepomuceno, já confirmou que o clube levará a partida para o Mineirão,  no dia 23. A volta acontecerá em Porto Alegre, no dia 30.

Quer receber notícias do Atlético-MG de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos