Fernando Prass avança em recuperação e pode voltar contra o Vitória

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

    Fernando Prass pode retornar ainda nesta temporada ao Palmeiras

    Fernando Prass pode retornar ainda nesta temporada ao Palmeiras

O goleiro Fernando Prass, mesmo aos 38 anos, ainda surpreende o Palmeiras. O retorno aos gramados, a princípio marcado para somente o ano que vem, pode ocorrer ainda em 2016. O técnico Cuca admite a possibilidade de escalar o camisa 1 na última rodada do Campeonato Brasileiro, quando a equipe alviverde terá pela frente o Vitória, em Salvador.

"Tem uma chance de ele jogar este ano. Ele estará convocado para a partida contra o Botafogo, provavelmente será cortado; devem ficar o Vinicius e o Jailson. Mas, no último jogo, pode estar à disposição", afirmou o treinador palmeirense nesta sexta-feira.

A escalação de Fernando Prass em Salvador passa também como uma forma de reconhecimento por parte da comissão técnica. O goleiro e antigo capitão palmeirense treina sem limitações em relação a quedas com o cotovelo direito; trabalhou com todo o elenco pela primeira vez nesta sexta-feira.

"Nosso titular incontestável é o Jailson. Se a gente pudesse homenagear o Fernando, de alguma forma, será muito merecido", declarou o comandante do líder da Série A.

A última partida de Fernando Prass pelo Palmeiras ocorreu em 17 de julho, na vitória por 1 a 0 sobre o Internacional, no Beira Rio.

O jogo representava o último duelo do goleiro pelo Palmeiras antes da apresentação para a seleção brasileira olímpica. A grave lesão no cotovelo ocorreu no fim do mesmo mês, às vésperas da estreia nos Jogos do Rio de Janeiro – a equipe terminou com a medalha de ouro.

Desde então, Prass passou por nova cirurgia no cotovelo direito e iniciou um longo período de recuperação. Nas primeiras análises da comissão técnica, o veterano possuiria condições de atuar apenas em 2017.

No entanto, logo nas semanas iniciais de fisioterapia, Prass apresentou uma evolução acima do normal. A recuperação manteve o ritmo acelerado, e o goleiro já trabalha com bola, com apenas limitações.

Agora, o camisa 1 tem uma semana a mais para entrar em condições mínimas para o jogo. Em caso de título do Palmeiras – basta um empate no domingo, contra a Chapecoense -, o goleiro tem uma boa chance de atuar no Barradão, na despedida do Campeonato Brasileiro.

Quer receber notícias do Palmeiras de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos