Palmeiras faz festa na Paulista com provocação e pedido de "renova, Cuca"

Felipe Pereira

Do UOL, em São Paulo

Pouco mais de duas horas depois da conquista do título brasileiro, selada com a vitória sobre a Chapecoense no Allianz Parque neste domingo, a delegação do Palmeiras encontrou uma pequena multidão de torcedores, que se concentrou para festejar na Avenida Paulista, região central de São Paulo. A celebração teve provocação a adversários e pedido para a renovação de contrato do técnico Cuca.

Os palmeirenses que se dirigiram à Avenida Paulista se concentraram na altura do número 900, em frente ao prédio da TV Gazeta. O local foi um conhecido ponto de comemorações de títulos das torcidas paulistanas, mas andava fora das festas mais recentes dos times da cidade.

Por volta de 21h30, o ônibus da delegação do Palmeiras cruzou a multidão de torcedores e interagiu com o público da Avenida Paulista. Alguns jogadores subiram em um trio elétrico que aguardava os campeões e foram recepcionados por rojões. Então o público cantou o hino do clube.

Jaílson foi o primeiro jogador a ser celebrado. Em seguida, Fernando Prass foi chamado de melhor goleiro do Brasil. O trio elétrico chegou a balançar com o movimento festivo dos atletas campeões. Já o ônibus do Palmeiras trouxe uma provocação ao Flamengo, principal adversário durante a disputa da Série A: "sem choro, nem cheiro".

Outro adversário lembrado na noite de festa foi o santista Lucas Lima, xingado pela torcida palmeirense e cutucado por Matheus Salles: "tenho uma Copa do Brasil e um Brasileiro, ele tem dois Paulistas". 

Com o título assegurado, os jogadores esqueceram da rotina de atleta e se deram ao luxo de beber cerveja junto com a torcida. O capitão Dudu se dirigiu aos fãs através do microfone. Depois foi a vez de Prass, que disse que o palmeirense tem o direito de comemorar porque "sofreu pra c. em 2012 e 2013". 

Depois foi a vez de Zé Roberto discursar para a multidão alviverde. O veterano de 42 anos afirmou que o Palmeiras "é o principal clube" de sua carreira e arrancou reação entusiasmada da torcida. 

Adiante, o diretor Alexande Mattos puxou o coro "renova, Cuca", acompanhado com entusiasmo pelos torcedores que ocuparam o quarteirão da Avenida Paulista. O treinador tomou a palavra e disse que nunca escondeu que era torcedor palmeirense. 

Com a vitória deste domingo por 1 a 0 sobre a Chapecoense, o Palmeiras chegou aos 77 pontos e não pode mais ser alcançado por nenhum adversário. Antes da rodada, o Santos ainda mantinha chances matemáticas de título. No entanto, a equipe da Vila Belmiro foi derrotada pelo Flamengo e caiu para o 3º lugar.  

Os campeões brasileiros voltam a campo no próximo domingo, quando enfrentam o Vitória, em compromisso da última rodada do Brasileiro. A equipe baiana briga pela permanência na elite do futebol nacional.

Quer receber notícias do Palmeiras de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos