Cazares pega quatro jogos de gancho, mas poderá jogar final contra o Grêmio

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Thomas Santos/AGIF

    Expulsão é válida somente para o Brasileiro e meia pode jogar a Copa do Brasil

    Expulsão é válida somente para o Brasileiro e meia pode jogar a Copa do Brasil

Por causa de um soco no volante Jadson, o meia equatoriano Cazares pegou quatro jogos de suspensão no Atlético-MG. O jogador foi julgado nesta segunda-feira pela Primeira Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que analisou a expulsão do jogador na partida contra o Santa Cruz, em partida válida pela 36ª rodada do Brasileirão.

A decisão do STJD ainda cabe recurso. Dos quatro jogos de gancho, Cazares já cumpriu um na partida contra o São Paulo, no último domingo. A punição, no entanto, não é válida para a Copa do Brasil. Portanto, se o técnico Diogo Giacomini desejar, ele poderá utilizar escalar o equatoriano na partida desta quarta-feira contra o Grêmio.

No lance em que foi expulso, Cazares foi parado por Jadson no meio-campo. Por interromper o contra-ataque, o jogador do Santa Cruz acabaria levando o amarelo e posteriormente o vermelho. Porém, o jogador do Galo reagiu com um soco no adversário e recebeu o vermelho direto.

Na ocasião, Marcelo Oliveira ainda era o treinador alvinegro e não escondeu sua insatisfação com o jogador.

"A expulsão foi totalmente desnecessária. Era um contra-ataque nosso, que deixasse o adversário levar cartão. Então, fez uma diferença", falou.

Quer receber notícias do Atlético-MG de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos