Guerrero fica sem título no Fla, mas comemora melhor ano desde 2012

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Gilvan de Souza/Flamengo

    O atacante peruano Guerrero comemora gol do Flamengo

    O atacante peruano Guerrero comemora gol do Flamengo

Paolo Guerrero terminou o ano sem conquistar o título brasileiro pelo Flamengo. Mas o camisa 9 tem motivos para celebrar 2016, que marcou a temporada artilheira da carreira. São 18 gols em 42 jogos. Uma média de praticamente um tento a cada duas partidas. A melhor performance pessoal desde que chegou ao Brasil, em 2012.

O número de gols foi o mesmo em 2013, quando vestia a camisa do Corinthians. Na ocasião, porém, o peruano precisou de 46 partidas para alcançar a marca, quatro a mais do que na temporada atual.

Se comparado com outros anos da carreira, Guerrero pode comemorar o melhor desempenho neste aspecto mesmo sem ter levantado um troféu.

Em 2003/2004, ele chegou a fazer 21 gols em 25 jogos, mas pelo time B do Bayern de Munique-ALE. Em equipes principais, as performances pelo Hamburgo-ALE também foram relevantes. Em 2007/2008, 14 gols em 41 jogos. Em 2008/2009, 14 gols em 48 partidas.

Além da melhor média de gols em 2016, Paolo Guerrero está perto de confirmar outra marca. O camisa 9 será o primeiro estrangeiro artilheiro do Flamengo desde 2000, quando o sérvio Petkovic conquistou o posto.

"Os gols aparecem conforme o time trabalha. Uns abrem espaço, faço os gols. Crio espaços, meus companheiros fazem os gols. Às vezes, o centroavante não balança a rede, mas cria espaços. O Flamengo encaixou isso", pontuou Guerrero.

Quer receber notícias do Flamengo de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos