Oswaldo encurta férias para ajudar em reforços e nega Corinthians atrasado

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O treinador Oswaldo de Oliveira pretende dedicar esforços na próxima semana para que o Corinthians, mesmo em meio às férias de jogadores e funcionários, comece 2017 mais forte. Prestes a encerrar a temporada diante do Cruzeiro, no domingo, ele falou não apenas sobre reforços, mas também sobre o que espera encontrar no Mineirão e as chances de vaga na Copa Libertadores. 

"Vou ajudar (em reforços) como tem sido até agora. Temos trabalhado todos os dias nessa situação, então fico mais uma semana aqui (no Brasil) trabalhando e depois vou dar continuidade com Flávio, com o presidente Roberto e o Alessandro. Vamos continuar desenvolvendo o que temos que desenvolver", comentou Oswaldo. 

Ele negou que o Corinthians, por aguardar vaga ou não na Libertadores para avançar em jogadores, esteja atrasado em relação aos demais clubes. "Isso é previsão, projeção, não tem nada de concreto. As coisas precisam acontecer para que tomam corpo e se conheça", disse.  

"Minha parte (no processo) é de conhecimento, entrosamento, planejamento e isso está em curso. Tudo o que se conclui é início, meio e fim. Estamos em desenvolvimento, embora eu tenha interceptado um desenvolvimento", disse ainda sobre a participação dele no Corinthians de 2016. 

Oswaldo, que escala Romero, Marlone e Guilherme no ataque, disse que terá o melhor Corinthians possível. "Para esse momento, sim. Vamos continuar buscando, temos ambição de fazer o time ainda mais forte. Se levando em conta a forma dos jogadores, é essa a melhor equipe", comentou. 

"O Cruzeiro é grande, um timaço, muito difícil de ser batido. Não temos escolha (entre pegar um time com ou sem ambições). O fato de o Cruzeiro não estar disputando para cair ou classificar não faz o jogo muito diferente", acrescentou à análise. 

Lembrado também sobre o fato de depender de outros resultados, Oswaldo minimizou. "O Corinthians jogou muitos outros jogos, mas se olharmos toda a trajetória nos últimos tempos, tudo que aconteceu, acarretou a situação de decidir uma vaga de libertadores agora, está muito coerente e adequado a tudo que se passou. (...) É a oportunidade que temos, vamos jogar com muita atenção, determinação, por uma chance de classificação", falou. 

Confira o que mais disse Oswaldo de Oliveira:

ELOGIOS A GUILHERME

Ninguém tem dúvida da qualidade, o Guilherme é técnico, é inteligente e tem um poder de decisão muito grande. O gol que ele fez contra o Flamengo não sai da minha lembrança. Parece um gol fácil, mas foi rebuscado, de muita categoria. Ele dá um toque diferente, de muita qualidade, a mais para a equipe.

OPINIÃO DE RENATO GAÚCHO SOBRE ESTUDAR
Isso é muito simples. Um ponto de vista individual, é a maneira do Renato ver. Pessoas e treinadores são todos diferentes. É a maneira que ele tem de ver isso. 

HOMENAGENS À CHAPECOENSE
Temos pessoas do clube no marketing, na diretoria, com capacidade suficiente para tomar essa decisão. Vai ser muito legal que todos precisam realmente prestar essa homenagem à Chapecoense. Tenho me dedicado mais à equipe no dia a dia e vou acabar sabendo das homenagens. Já conversei com o marketing e eles parecem muito empenhados nisso. O que fizerem estará muito bem feito.

NR.: O Corinthians jogará com o número da conta bancária da Chapecoense na camisa para estimular doações.

GAROTOS NA COPA SÃO PAULO
Alguns vão para os Estados Unidos, outros com idade acho interessante que joguem, é uma sequência natural. Estamos ainda avaliando, não definimos totalmente, mas a preferência é que quem puder jogar, que jogue. 

NR.: Léo Jabá e Carlinhos, atacantes, têm essa possibilidade. O zagueiro Léo Santos jogará o Sul-Americano Sub-20 com o Brasil ao lado de Arana e Maycon.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos