Presidente do Inter pede investigação completa em "caso Victor Ramos"

Do UOL, em Porto Alegre

  • AFP PHOTO / Heuler Andrey

    Último capítulo do caso: CBF denunciou Inter por uso de documentos falsos

    Último capítulo do caso: CBF denunciou Inter por uso de documentos falsos

O Internacional quer uma investigação completa dos fatos envolvendo o caso Victor Ramos. Pouco depois de a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) denunciar uso de documento falsificado em ação no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), o presidente do clube gaúcho afirmou que defende "ampla e completa" apuração.

"Claro que não (houve falsificação ou uso de documentos falsificados). Acabamos de desembarcar, verifiquei o acontecimento por conta de uma nota oficial da CBF. Falei com o departamento jurídico, eles darão uma entrevista coletiva. Mas afirmo: o Internacional é o mais interessado em uma investigação completa dos fatos", disse Vitorio Piffero à Rádio Gaúcha.

Mais cedo, em nota oficial, a CBF pediu que o STJD repasse a denúncia ao Ministério Público do Rio de Janeiro. A entidade do futebol nacional arguiu e-mails atribuídos ao diretor de registro Reynaldo Buzzoni.

O texto da CBF não esclarece se as mensagens eletrônicas citadas são as vazadas recentemente, em diálogo com diretor do Vitória, ou anteriores. Na petição apresentada pelo Inter, além de 42 páginas, constam mais de 200 anexos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos