São Paulo presta homenagens às vítimas de acidente com avião da Chapecoense

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Instagram

    João Schmidt e Rodrigo Caio postaram foto com camisa da Chapecoense

    João Schmidt e Rodrigo Caio postaram foto com camisa da Chapecoense

O último treino do São Paulo aberto para a imprensa em 2016 foi marcado por homenagens às vítimas do acidente com o avião da Chapecoense, na Colômbia.

Antes da atividade, o clube celebrou uma missa em memória do lateral direito Caramelo, que era vinculado ao Tricolor e estava emprestado ao time catarinense até o fim da temporada.

Os parentes do jogador estavam presentes. Sempre amparados pela diretoria são-paulina, eles também acompanharam o trabalho dos jogadores no gramado.

Dentro de campo, o assistente Pintado, que será o responsável por comandar o time no jogo deste domingo contra o Santa Cruz, promoveu algumas mudanças. Buffarini vai atuar na lateral esquerda no lugar de Mena, que cumpre suspensão, enquanto Luiz Araújo vai ser substituído por Chávez no ataque. Por fim, Gilberto vai atuar como centroavante.

Depois do treino, o São Paulo também fez uma homenagem aos jornalistas que perderam a vida no acidente aéreo. O clube distribuiu uma camiseta com os nomes dos 22 profissionais de imprensa que estava no avião da Chapecoense.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos