Cuca se despede do Palmeiras em entrevista encerrada com apagão

Do UOL, em São Paulo

Figura central do título brasileiro do Palmeiras, Cuca deu sua última entrevista coletiva pós-jogo deste ano em circunstâncias inéditas. Neste domingo (11), uma queda de energia deixou a sala de imprensa do Barradão sem luz quando o técnico discorria sobre o triunfo por 2 a 1 sobre o Vitória.

A despeito do apagão, o domingo foi especial para Cuca, campeão brasileiro que não permanece no Palmeiras em 2017. "Sensação de extrema alegria em cima do jogo, de fechar com chave de ouro", falou o treinador, enquanto as luzes e o ar-condicionado ainda funcionavam. "(Os jogadores) Fizeram uma grande partida. Eu disse que, depois de conquistar o título, o Palmeiras jogaria mais leve", lembrou Cuca.

Ele entrega um Palmeiras consolidado ao sucessor Eduardo Baptista. O triunfo no Barradão foi conquistado com apenas três titulares na equipe (Jaílson, Mina e Tchê Tchê). "Hoje vimos que jogou o time reserva e jogou bem, com qualidade, conseguiu tocar a bola e fez dois gols. A gente acoplou tudo. Deram continuidade ao trabalho dos (atletas) que não vieram e jogaram bem. Fica o legado de uma base sólida, firme. Com o bom trabalho do Eduardo, tem tudo para dar certo", aposta o técnico.

A felicidade só dá lugar à tristeza quando o assunto é a tragédia da Chapecoense. O Palmeiras foi o último adversário da equipe catarinense, que dias depois sofreu acidente aéreo na Colômbia. Questionado sobre homenagens à Chape, Cuca mudou de semblante.

"É um dia em que você não pode pensar muito, senão você se emociona. Não adianta pensar no ano, na tragédia. O pouco que podemos fazer é a homenagem que fizemos hoje. Eles eram irmãos da gente. É o mínimo que podemos fazer. Espero que o pouco que fizemos pela família dê para diminuir essa dor", disse o treinador. O Palmeiras entrou em campo com a camisa da Chape e jogou com uma mensagem de apoio em seu próprio uniforme.

Na sequência da entrevista, Cuca elogiava o técnico da equipe sub-20 do Palmeiras, João Burse, quando a energia caiu. Burse sentiu o gostinho de comandar os profissionais durante alguns minutos, enquanto Cuca passou seus últimos minutos da temporada sentado tranquilo no banco de reservas. A equipe venceu, e todo o brilho do Palmeiras de Cuca só acabou na sala escura, no Barradão. O torcedor alviverde espera que 2017 seja iluminado.

Quer receber notícias do Palmeiras de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos