Gremistas fecham rua e fazem 'festa de título' em rebaixamento do Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Marinho Saldanha/UOL

    Gremistas fecham rua e comemoram rebaixamento do Inter

    Gremistas fecham rua e comemoram rebaixamento do Inter

O Grêmio perdeu neste domingo, mas pouco importa. A torcida comemorou, e muito. Tudo porque o tradicional adversário, Internacional, foi rebaixado para a segunda divisão. Quatro dias depois de fechar a Avenida Goethe - onde ocorrem tradicionalmente as comemorações de título - para vibrar com o pentacampeonato da Copa do Brasil, foi a vez de repetir a festa agora pela queda colorada. 

"Ão, ão, ão, segunda divisão", era apenas um dos gritos dos gremistas. Mais de 500 torcedores colocaram-se na esquina da Avenida Goethe com a Mostardeiro próximo ao Parcão para celebrar. 

Marinho Saldanha/UOL

Ao contrário da última quarta, quando a festa era esperada e a rua foi fechada pelos órgãos públicos de trânsito, desta vez quem foi responsável por impedir a passagem dos carros foi a torcida mesmo. Com instrumentos musicais, caixões, fantasmas da B, camisas do Sport, do Fluminense, principalmente do Grêmio e muita animação, impediam a passagem de veículos. Era difícil atravessar a barreira gremista, muitos não conseguiram. E quem se irritava levava a pior, os torcedores subiam nos carros e faziam a festa. 

Aos poucos o trânsito foi normalizado, mas a festa seguiu por horas. "Arerê, o Inter vai jogar a Série B", bradavam os azuis que não poderiam ter um ano melhor.

Além de romperem um jejum de 15 anos sem conquistas relevantes, viram o rival rebaixado pela primeira vez em sua história. Tudo em menos de uma semana. Foi o ápice de uma temporada a ser celebrada ano após ano. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos