A primeira vitória! Vasco bate Bahia em dia do gol 400 de Luis Fabiano

Do UOL, no Rio de Janeiro

O Vasco venceu a primeira no Campeonato Brasileiro com direito ao gol 400 de Luis Fabiano. Em um domingo também marcado pelas estreias dos zagueiros Paulão e Breno no Cruzmaltino, Yago Pikachu e o Fabuloso foram os responsáveis pelos gols do triunfo por 2 a 1 sobre o Bahia, em São Januário. Gustavo descontou para o Tricolor.

O resultado foi bastante comemorado pela torcida, já que o time fez o dever de casa e somou os primeiros três pontos no Brasileirão depois de uma estreia preocupante, quando terminou goleado por 4 a 0 pelo Palmeiras. Já o Bahia sofreu a primeira derrota após os 6 a 2 sobre o Atlético-PR.

O Vasco volta a campo pela competição nacional no sábado (27), às 19h, novamente em São Januário para o clássico contra o Fluminense. O Bahia joga diante do Botafogo, domingo (28), às 19h, no Engenhão.

Paulão e Breno estreiam pelo Cruzmaltino

Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br
A partida contra o Bahia marcou as estreias dos zagueiros Paulão e Breno no Vasco. Os jogadores foram contratados na expectativa de resolução dos problemas defensivos do Cruzmaltino. Paulão iniciou a partida como titular. Já Breno entrou no começo do segundo tempo, quando Rafael Marques saiu com uma lesão no músculo posterior da coxa esquerda. Paulão foi um dos jogadores mais aplaudidos pela torcida em São Januário.

Nenê é barrado no Vasco e não entra na partida

O técnico Milton Mendes confirmou o que havia sinalizado durante a semana. O meia-atacante Nenê foi barrado pela queda de rendimento e começou a partida no banco de reservas. A expectativa era a de que pudesse entrar no segundo tempo, mas nem isso ocorreu. "Ele é um excelente jogador. Não é por causa disso que perderá qualidade. Queríamos um pouco mais de velocidade e agressividade no um contra um", disse o treinador antes de a bola rolar.

Bahia escala time alternativo em São Januário

Priorizando a decisão da Copa do Nordeste contra o Sport, quarta-feira (24), na Fonte Nova, o Bahia veio ao Rio de Janeiro com uma equipe alternativa. O técnico Guto Ferreira escalou apenas cinco jogadores que estiveram em campo na primeira partida da final contra o Rubro-negro de Recife. O comandante admitiu que todo ponto no Campeonato Brasileiro é importante, mas um título tem peso fundamental na temporada.

Defesa de almanaque de Jean em arremate do Fabuloso

O goleiro Jean apareceu bem logo aos 7min com uma bela defesa após cabeceio de Luis Fabiano. Mas, aos 13min, o jogador do Bahia promoveu uma intervenção de almanaque. Kelvin avançou pela esquerda e cruzou na área. O Fabuloso apareceu bem e escorou no contrapé do goleiro, que mostrou um reflexo espetacular e impediu o primeiro gol do Vasco.

Vasco se impõe em São Januário até abrir o placar no 2º tempo

Com o apoio da torcida, que compareceu em grande número ao estádio de São Januário, o Vasco se impôs em campo diante de um Bahia que apostou nos contragolpes, mas tinha problemas para desenvolver o seu jogo por conta da equipe alternativa. O Tricolor de Salvador até quase marcou aos 34min, mas foi mesmo o Cruzmaltino que abriu ao placar. O gol, no entanto, demorou e veio apenas no segundo tempo, quando os donos da casa viviam um momento delicado no jogo. Aos 8min, Martín Silva rebateu a bola e promoveu uma ligação direta. Luis Fabiano dominou e tocou para Yago Pikachu colocar na saída do goleiro Jean.

Luis Fabiano faz o gol de número 400 na carreira

Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Luis Fabiano ampliou o placar aos 29min do segundo tempo. Mateus Pet avançou pelo meio e abriu para cruzamento de Gilberto. Jean faz a defesa no chute de Kelvin e Luis Fabiano empurrou para o fundo das redes. Foi o primeiro gol do Fabuloso com a camisa cruzmaltina em São Januário, o tento de número 400 na carreira do atacante. O jogo parecia definido neste momento, porém, o Bahia ainda diminuiu com Gustavo aos 37min e trouxe emoção aos minutos finais. Só que não foi suficiente para mudar o resultado. A festa na Colina estava garantida.

VASCO 2 X 1 BAHIA

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Auxiliares: Daniel Paulo Ziolli (SP) e Daniel Luis Marques (SP)
Renda: R$ 649,110,00
Público: 17.770 pagantes / 19.030 presentes
Cartões amarelos: Jean, Luis Fabiano, Gilberto e Martín Silva (Vasco); Gustavo e Armero (Bahia)
Cartão vermelho: Armero (Bahia)
Gols: Yago Pikachu, aos 8min do segundo tempo; Luis Fabiano, aos 29min do segundo tempo; Gustavo, aos 35min do segundo tempo

Vasco
Martín Silva; Gilberto, Rafael Marques (Breno), Paulão e Henrique; Jean (Bruno Cosendey), Douglas, Mateus Pet e Yago Pikachu (Wagner); Kelvin e Luis Fabiano
Técnico: Milton Mendes

Bahia
Jean; Eduardo, Éder, Tiago e Armero; Edson, Matheus Sales (Edigard Junio), Juninho e Diego Rosa (Zé Rafael); Gustavo e Maikon Leite (Allione)
Técnico: Guto Ferreira

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos