Bruno Henrique reclama de expulsão e afirma: "Fágner disse que não acertou"

Do UOL, em São Paulo

O Santos já perdia por 2 a 0 para o Corinthians, quando, aos 37 minutos do segundo tempo, Bruno Henrique recebeu o cartão vermelho após acertar uma cotovelada em Romero. O jogador, entretanto, reclamou da expulsão.

"O juiz quer interferir em uma jogada que não tem nada a ver. Uns dias atrás, falaram que eu poderia ser um ator, porque eu simulo muito. Aí hoje acontece isso e e eu sou ator? O juiz falou que eu dei a cotovelada nele (Romero). Eu perguntei pro Fágner, e ele disse que não acertou. O jogo estava 2 a 0 pro Corinthians, e eu vou dar cotovelada pra ser expulso?", afirmou.

O atacante também falou sobre o desempenho da equipe praiana, que começou melhor no jogo, mas sofreu dois gols na etapa final. "Fizemos uma boa partida no primeiro tempo, recuamos no segundo, e foi onde o Corinthians começou a retomar", disse.

O Santos tem apenas uma vitória em quatro jogos no Campeonato Brasileiro, o que deixa o time na parte de baixo da tabela. Bruno Henrique acredita que o objetivo de ficar no G-6 está interferindo no desempenho.

"Pode ser pelo fato da gente querer tanto a Libertadores, mas a gente precisa colocar na cabeça que, para jogar a Libertadores o ano que vem, precisamos ir bem esse ano", explicou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos