Grêmio toma cuidado com rótulo de 'melhor futebol': "Queremos taças"

Do UOL, em Porto Alegre

"Queremos títulos que deem taças". Assim o vice de futebol do Grêmio, Odorico Roman, rebateu a condição de 'melhor futebol do Brasil' imputada ao Tricolor pelo rendimento do time e também pela opinião de Renato Gaúcho. O dirigente aperta para a cautela necessária com tais palavras.

"Queremos títulos que deem taças. O time empolgante de hoje, se tropeçar, passa a ser um time comum, que não evolui. Temos que ter muito cuidado com isso. A medida que se fala que o Grêmio tem o ou um dos melhores times, os adversários tomam mais cuidado contra nós e isso dificulta", explicou o dirigente.

Na semana de treinamentos antes da partida, Renato Gaúcho já alertava para os problemas que jogar tão bem e chamar atenção do país podem causar.

"Eu falei na sexta na coletiva que no sábado falaria com o grupo. Falei com eles. Eu não deixo entrar nada de coisas que podem prejudicar meu grupo. O grupo está blindado. As coisas ruins ou mesmo elogios para o time se achar o melhor de todos. A cada partida somos cobrados e todo mundo que joga contra o Grêmio quer tirar uma casquinha. A dedicação deles tem sido maior pelo que temos feito. Meu grupo é consciente e inteligente. Eu passei para eles e eles têm se comportado bem. Repeitamos os adversários, seja quem for. E jogamos", afirmou Portaluppi.

O Grêmio encara a Chapecoense na próxima quarta-feira, fora de casa. O duelo da quarta rodada será disputado na Arena Condá as 21h45 (de Brasília). 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos