CBF vê acerto de juiz ao anular gol corintiano e erro em clássico carioca

Do UOL, em São Paulo

Como vem fazendo desde a primeira rodada do Campeonato Brasileiro, a CBF divulgou mais uma vez os acertos e os erros de arbitragem de algumas partidas da quarta rodada do torneio. A entidade considerou acertada a posição do árbitro ao anular um dos gols do Corinthians contra o Santos, mas viu equívoco em um lance do clássico Flamengo x Botafogo. 

Para a CBF, o árbitro acertou ao anular o gol de Pedro Henrique ao ver impedimento de Romero no lance. "Jogador que tenta jogar a bola que se encontra próxima a si e ,com essa ação causa um impacto no adversário ou pratica uma ação óbvia que tenha impacto na possibilidade do adversário jogar, deve ser punido com tiro livre indireto contra sua equipe por interferência no adversário", analisa a entidade. 

Em outro clássico, entre Flamengo e Botafogo, a CBF assinalou que Bruno Silva deveria ter recebido cartão amarelo ao cometer falta em Éverton ainda no primeiro tempo. "Jogador que desconsidera o risco ou consequências para seu adversário na disputa de bola, deve ser advertido com cartão amarelo e um tiro livre direto deve ser sinalizado contra sua equipe". Bruno Silva acabou levando um cartão amarelo apenas no início do segundo tempo. 

Em Cruzeiro x Chapecoense, a entidade crê em um pênalti não marcado para a equipe visitante. O jogador da Chapecoense é empurrado na área e o árbitro nada sinaliza. "Jogador que impede um ataque promissor ao empurrar o adversário deve ser punido com cartão amarelo, e um tiro penal sinalizado contra sua equipe".  

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos